app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5713
Esportes

V�lei local reformula o calend�rio

A Federação Alagoana de Voleibol reformula o calendário da temporada 2002. Com o Estadual Juvenil já em andamento para o mês de abril, ela programa dois outros campeonatos nas categorias infanto-juvenil e adulto. Em maio será a vez do mirim, também a níve

Por | Edição do dia 31/03/2002 - Matéria atualizada em 31/03/2002 às 00h00

A Federação Alagoana de Voleibol reformula o calendário da temporada 2002. Com o Estadual Juvenil já em andamento para o mês de abril, ela programa dois outros campeonatos nas categorias infanto-juvenil e adulto. Em maio será a vez do mirim, também a nível estudantil. Serão, em maio, as primeiras participações interestaduais em quadra, pois, na areia, ela já acontece no Circuito Banco do Brasil. Haverá a Liga Nacional, bem como o Brasileiro Juvenil Feminino da divisão especial, em Minas Gerais. O primeiro semestre será encerrado com o Alagoano Estudantil nas categorias infanto e juvenil, além de mais Liga Nacional e dos Jogos da Juventude, competição esta em Goiás, em junho. A Liga Nacional também vai abrir as atividades do segundo semestre, mas a principal novidade, em julho, será a primeira etapa de Praia Alagoana. O mês  de agosto está reservado para as  finais da Liga Nacional, bem  como para a abertura do 2o turno do Alagoano Juvenil e o Brasileiro  Juvenil Masculino da 1a divisão, no Rio Grande do Norte. Setembro será a vez do 2o turno dos Alagoanos Adulto e Infanto-Juvenil,  além da 2a etapa de Praia Alagoana. Em outubro ocorre o retorno  do Alagoano Mirim e o Brasileiro Infanto-Juvenil Masculino da divisão especial, em Maceió. Novembro está reservado para os  Brasileiros Master e Infanto-Juvenil Feminino da 1a divisão, em Maceió. Finalmente, em dezembro, a tradicional confraternização e premiação dos destaques do ano. A FAV ainda programa um curso de arbitragem, com data a confirmar. O que já está definido é a comissão técnica das quatro seleções que vão participar do Campeonato Brasileiro. Walter Pitombo Laranjeiras “Toroca” volta a comandar os times femininos, sendo supervisionados por Roberto Fernandes. Danielle Raposo, Caetano Rocha, Carlos Medeiros e Bárbara Tenório são os assistentes. Sobre as duas equipes masculinas, também a mesma política de manter idêntica comissão técnica. Caetano Rocha é o comandante, sendo auxiliado por Luiz Carlos Medeiros e Simone Gusmão. Aí, a supervisão fica a cargo de Suely Medeiros.

Mais matérias
desta edição