app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Esportes Realização dos Jogos de Tóquio está sendo questionada por especialistas de saúde

Tóquio 2021: evento com público limitado

Olimpíadas e Paralimpíadas podem ser realizadas com número limitado de espectadores

Por GLOBOESPORTE.COM | Edição do dia 30/07/2020 - Matéria atualizada em 29/07/2020 às 17h39

As Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio 2020 podem ser realizadas com número limitado de espectadores devido a Covid-19, disse o chefe-executivo dos Jogos à rede britânica BBC Sport, Toshiro Muto, nessa quarta-feira (29). O chefe afirmou que o Comitê Organizador “fará de tudo para chegar até a cerimônia de abertura” prevista para 23 de Julho de 2021.

Em entrevista ao jornal britânico, Muto enfatizou que o Comitê Olímpico Internacional não quer adiar os Jogos por mais um ano.

“Discutimos isso com o Thomas Bach, presidente do COI, e ele está dizendo que não é apropriado pensar em cancelar ou adiar novamente”, disse Muto. Os jogos foram adiados por um ano devido à pandemia do novo coronavírus.

Especialistas em saúde questionaram se os Jogos poderiam ser mantidos sem uma vacina ou medicamentos eficazes para tratar a Covid-19. Muto respondeu que seria um benefício se a vacina estiver pronta até lá, mas que não é uma pré-condição para a realização dos Jogos.

O chefe-executivo dos Jogos também foi questionado sobre a possibilidade das Olimpíadas serem realizadas sem espectadores, mas confirmou que o COI não quer trabalhar com esse cenário.

“O Sr. Bach não está procurando esse cenário. Ele pode estar pensando em um número limitado de espectadores com total consideração do distanciamento social. Precisamos construir um ambiente em que as pessoas se sintam seguras. Atletas e a família do COI podem precisar de testes antes e depois de entrarem no Japão, e precisamos de fortes sistemas médicos em torno de planos de acomodação e transporte”, declarou à BBC Sport.

Mais matérias
desta edição