app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Esportes

Fluminense procura um parceiro para Rom�rio

Rio de Janeiro - Sem Euller, reprovado nos exames médicos, resta ao Fluminense procurar um outro companheiro para Romário.  O técnico Valdyr Espinosa, que na tarde de ontem foi apresentado juntamente com o gerente de futebol, Paulo Angioni, e o vice de fu

Por | Edição do dia 08/01/2004 - Matéria atualizada em 08/01/2004 às 00h00

Rio de Janeiro - Sem Euller, reprovado nos exames médicos, resta ao Fluminense procurar um outro companheiro para Romário.  O técnico Valdyr Espinosa, que na tarde de ontem foi apresentado juntamente com o gerente de futebol, Paulo Angioni, e o vice de futebol, Celso Barros, admitiu a necessidade que o Tricolor terá na parte ofensiva. “Torcíamos para essa dupla, mas houve essa fatalidade. A partir de agora passo a pensar em quem vai ser o companheiro do Romário, apesar de ainda não ter nomes na cabeça”, disse. O presidente David Fischel afirmou que dois jogadores considerados de ponta devem ser contratados até o início do Campeonato Carioca. Espinosa já começa a pensar na formação da equipe e espera um atacante e dois jogadores de meio-campo. Além disso, há um espaço na zaga. César ainda não teve o contrato renovado, mas a intenção é de que Antônio Carlos, de 20 anos, tenha uma oportunidade como titular, formando dupla com Rodolfo. Espinosa garante ter recebido boas informações sobre o defensor. “Não o conheço, mas tenho ótimas referências do Antônio Carlos. Resta saber se abrimos a porta para ele ou apenas a deixamos encostada. Acredito que para o César seria complicado ser reserva de um garoto”, explicou. Três caras novas foram apresentadas ontem, nas Laranjeiras. O lateral-direito Leonardo, ex-São Paulo, o lateral-esquerdo Juan, que estava no time B do Arsenal, da Inglaterra, e o meia Juca, que disputou o Campeonato Brasileiro da Série B pelo Marília, foram contratados.

Mais matérias
desta edição