app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5751
Esportes

Regulamento do Torneio Rio-S�o Paulo deixa Luxemburgo irado

São Paulo - O técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, ficou furioso ao descobrir, ontem, que seu time não levará nenhuma vantagem nas semifinais e finais do Torneio  Rio-São Paulo, mesmo após ter feito brilhante campanha na primeira fase. O treinado

Por | Edição do dia 11/04/2002 - Matéria atualizada em 11/04/2002 às 00h00

São Paulo - O técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, ficou furioso ao descobrir, ontem, que seu time não levará nenhuma vantagem nas semifinais e finais do Torneio  Rio-São Paulo, mesmo após ter feito brilhante campanha na primeira fase. O treinador vinha enfatizando a importância de a equipe terminar na primeira posição para que fosse beneficiada na etapa seguinte, mas o regulamento o derrubou. Segundo o Parágrafo Único dos Artigos 3º e 4º, “as associações jogarão entre si, classificando-se para a terceira fase (final), a melhor colocada por pontos ganhos, considerando-se resultados obtidos exclusivamente na fase em disputa”. Isso significa que a campanha na primeira fase não será levada em consideração. Disciplina Nas semifinais, caso haja empate nos dois jogos ou uma vitória de cada time pela mesma diferença de gols, será classificado aquele que receber menor número de cartões vermelhos e amarelos no confronto. Não importará o desempenho na etapa de classificação. A diretoria da Liga Rio-São Paulo não quis se pronunciar sobre o tema. “Vocês têm de perguntar à diretoria ou ao presidente, eu nunca assino nada”, esbravejou Luxemburgo, ao falar sobre o regulamento. “Daqui a pouco, terei de pedir aos meus atletas que joguem como moças”, ironizou, ao comentar a possibilidade de um cartão amarelo decidir o finalista ou até o campeão do Rio-São Paulo. O Palmeiras precisa de um empate contra a Ponte Preta, domingo, para sagrar-se campeão da primeira fase. O lateral Rovílson e o meia Lopes, recuperados de contusão, voltarão a jogar no fim de semana, mas não no time principal. Eles defenderão o Palmeiras B na Série A3 do Paulista, contra a Ferroviária.

Mais matérias
desta edição