app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5757
Esportes

Schumacher passeia em �mola e Barrichello � 2�

São Paulo – Foi um passeio de domingo para a Ferrari. O  alemão Michael Schumacher, que se tornou o piloto que mais GPs disputou pelo time italiano neste domingo, venceu com facilidade o GP de San Marino, quarta etapa do Mundial de Fórmula 1 da temporada

Por | Edição do dia 16/04/2002 - Matéria atualizada em 16/04/2002 às 00h00

São Paulo – Foi um passeio de domingo para a Ferrari. O  alemão Michael Schumacher, que se tornou o piloto que mais GPs disputou pelo time italiano neste domingo, venceu com facilidade o GP de San Marino, quarta etapa do Mundial de Fórmula 1 da temporada 2002. Rubinho Barrichello completou a dobradinha no circuito italiano de Ímola. Schummy, em sua 97a prova na Ferrari, largou na pole position, manteve a ponta e só perdeu  a liderança por alguns momentos após seus pit stops (paradas  para reabastecimento e troca de  pneus) para Rubinho Barrichello. Atingiu 34 pontos em 40 possíveis no Mundial. Foram três vitórias e um terceiro lugar na temporada. Seu irmão Ralf, que chegou em terceiro neste domingo, está na vice-liderança do Mundial com 20 pontos. Rubinho Barrichello teve sua prova comprometida por causa de um erro na largada. Ele partiu da segunda posição, mas acabou permitindo a ultrapassagem de Ralf. Apesar de ser mais rápido que o alemão da Williams, não conseguiu ultrapassá-lo até o primeiro pit stop, já na metade da corrida. Quando conseguiu voltar à frente, abriu larga vantagem. Porém, não teve mais condições de perseguir Schumacher. Fez seus primeiros seis pontos no Mundial. Ele não havia completado uma prova sequer neste ano. Dos outros brasileiros, um conseguiu chegar ao final, mas fora da zona de pontuação. Felipe Massa, da Sauber, ficou com o oitavo posto. Enrique Bernoldi, da Arrows, depois de largar em 20º, estava em 11º quando seu carro o deixou na mão mais uma vez. O colombiano Juan Pablo Montoya, terceiro no Mundial de pilotos, terminou em quarto subindo para 17 pontos. A zona de pontuação foi completada por Jenson Button, da Renault, e David Coulthard, da McLaren, que chegaram, respectivamente, em quinto e sexto lugares. A próxima etapa será o GP da Espanha, em 28 de abril, no circuito de Barcelona. Surpreso O alemão Michael Schumacher ficou surpreso com a facilidade com que venceu o GP de San Marino. “Não esperávamos ser tão superiores, depois de um qualifying apertado. Pensei que a corrida seria mais difícil”, disse. O tetracampeão elogiou os pneus da Bridgestone. “Eles produziram um pneu que é mais consistente”. “Nós vamos comemorar a vitória com uma taça de champanhe com toda a equipe, mas estamos em uma fase da temporada em que temos de sempre pensar no próximo passo”.

Mais matérias
desta edição