app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Esportes Lucas Barcelos faz trabalho de transição e deve ser relacionado para o jogo decisivo do Azulão, contra o Cruzeiro

CSA: TÉCNICO GANHA OPÇÕES PARA JOGO COM O CRUZEIRO

Principal jogador do Azulão na Série B, Barcelos deve ser relacionado

Por Fernanda Medeiros, com GE | Edição do dia 31/10/2022 - Matéria atualizada em 31/10/2022 às 04h00

O CSA poderá contar com retornos importantes para o técnico Adriano Rodrigues poder escalar a sua equipe para o jogo de vida ou morte contra o Cruzeiro, no próximo domingo (6), em Belo Horizonte, pela última e decisiva rodada da Série B do Brasileiro. Isso porque, alguns jogadores que estavam fora, por suspensão ou por lesão, estarão à disposição.

Exemplos disso são o meia Gabriel, que cumpriu suspensão na vitória sobre o Vila Nova, e os atacantes Lucas Barcelos e Rogério, que estão fazendo um trabalho de transição e devem ser relacionados para a partida no Mineirão.

Quanto ao zagueiro Werley, segue entregue ao Departamento Médico e tem chance remota de voltar ao time.

Em entrevista aos repórteres Andréa Resende, do Sportv, e Warner Oliveira, da Rádio Gazeta 98,3 FM, o fisiologista do Azulão, Caio Queiroga, explicou o trabalho de recuperação dos atletas: “O Lucas Barcelos está na transição, o Rogério já começou também um pouco da academia. O Werley é que ainda está no Departamento Médico, mas os demais a gente espera contar com eles”.

Lucas Barcelos deixou o campo na derrota do CSA para o Guarani, por 2 a 1, em 30 de setembro, sentindo uma lesão muscular em uma das coxas. Já Rogério teve uma lesão grau 2 no adutor da perna direita e atuou pela última vez na derrota para o Londrina, por 1 a 0, no Rei Pelé, no dia 14 de outubro.

O técnico Adriano Cabeça deve mandar o CSA a campo, contra a Raposa, com a seguinte formação: Marcelo Carné; Everton Silva, Douglas, Lucão e Diego Renan; Geovane, Gabriel, Lourenço e Yann Rolim; Osvaldo e Rodrigo Rodrigues. Vale ressaltar que o time azulino, precisa desesperadamente da vitória para permanecer na Série B, independentemente de quaisquer outros resultados.

* Sob supervisão da editoria de Esportes.

Mais matérias
desta edição