app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5751
Esportes Atuais campeões do mundo, franceses terão pela frente a maior zebra desta Copa do Mundo: Marrocos; o vencedor do confronto encara a Argentina na grande final do Mundial

França e Marrocos lutam por última vaga na final da Copa 2022

Campeões de 2018 precisam passar pelos marroquinos, que tentam a final inédita; confronto começa às 16h (de Brasília), no Estádio Al Bayt

Por Guilherme Magalhães, com Lance! e GE | Edição do dia 14/12/2022 - Matéria atualizada em 14/12/2022 às 04h00

/Atuais campeões do mundo, franceses terão pela frente a maior zebra desta Copa do Mundo: Marrocos; o vencedor do confronto encara a Argentina na grande final do Mundial

Chegou o grande dia! Nesta quarta-feira (14), o mundo conhecerá o segundo finalista, que definirá quais serão os dois países que disputarão o título da Copa do Mundo do Catar. No Estádio Al Bayt, a atual campeã França entra em campo contra a grande surpresa do Mundial, Marrocos. O encontro entre os países será às 16 horas (horário de Brasília).

Na final, a seleção da Argentina já está garantida, após ter vencido a Croácia, nessa terça-feira. A França tenta chegar em sua segunda decisão seguida, e é a favorita do confronto, principalmente pelas grandes campanhas recentes na Copa do Mundo. Já Marrocos é a grande surpresa. Quebrando tabus, é a primeira vez que um país africano disputa uma semifinal de Copa do Mundo. 

Para chegar a grande final, a França não passou um pouco de aperto. Após avançar como líder na fase da grupos, o Blues tiraram a Polônia nas oitavas, sem sustos. Contudo, no último final de semana, passou um aperto e ganhou da Inglaterra no sufoco, por 2 a 1.

Já Marrocos é a grande sensação e tem a melhor defesa da Copa do Mundo. Com apenas um gol sofrido neste Mundial, os africanos seguem invictos. Após lideraram um grupo com Croácia e Bélgica, Marrocos passou por Espanha (nos pênaltis), e Portugal, com uma bela vitória por 1 a 0.

França

A última atividade da França antes da semifinal teve más notícias. O zagueiro Upamecano e o volante Rabiot não participaram do treino com os companheiros e são dúvidas para a partida. Upamecano já havia perdido a atividade de segunda-feira por conta de uma dor de garganta. Segundo o "L'Equipe", Rabiot perdeu o treino desta tarde devido a um resfriado.

Por outro lado, Tchouaméni foi a campo e trabalhou com os demais 21 atletas. Assim, o camisa 8 está confirmado no jogo. A provável escalação francesa é: Lloris; Koundé, Varane, Upamecano (Konaté) e Theo Hernández; Tchouaméni, Rabiot (Fofana) e Griezmann; Dembélé, Mbappé e Giroud.

Marrocos

A última atividade marroquina não contou com a presença do zagueiro Nayef Aguerd. Ele deixou o jogo contra a Espanha, nas oitavas de final, com uma lesão na coxa e vem sendo desfalque recorrente. Por isso, pode ser o principal desfalque da seleção africana nesta quarta.

Já o também zagueiro e capitão Romain Saïss foi campo, mas fez trabalhos físicos leves, sem bola. Ele deixou a partida contra Portugal na maca após sentir a coxa e segue como dúvida para encarar a França. Quem também fez exercícios menos intensos e não treinou com bola foi o lateral Hakimi, mas, apenas por prevenção e o jogador deve atuar.

Assim, Marrocos deve jogar com: Bono, Hakimi, El Yamiq, Saiss (Dari) e Attiat-Allah; Amrabat, Ounahi, Amallah e Ziyech; En-Nesyri e Boufal.

* Sob supervisão da editoria de Esportes.

Mais matérias
desta edição