app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5757
Esportes Lateral direito foi uma das estrelas do elenco azulino, que conquistou os acessos para a Série B e Série A

CSA confirma retorno de Celsinho após 4 anos

Com mais de 100 partidas com a camisa do Azulão, o jogador está confirmado como reforço para 2023

Por Guilherme Magalhães | Edição do dia 15/12/2022 - Matéria atualizada em 15/12/2022 às 04h00

Celsinho é o novo reforço do CSA. Nessa quarta (14), o Azulão confirmou a volta do lateral direito, praticamente quatro anos após a sua despedida, em 2019. O jogador já está em Maceió, trabalhando com os novos companheiros de equipe.

Celsinho é muito conhecido e querido pela torcida azulina. Fez parte de um dos momentos mais vitoriosos do Azulão, entre as temporadas 2017 e 2019. Com a camisa do CSA, o lateral conquistou o acesso para a Série A, em 2018, e para a Série B, em 2017. Ou seja, já tem experiência na Terceira Divisão, no qual o Azulão irá disputar na próxima temporada.

O acordo entre clube e jogador já estava encaminhado há alguns dias, contudo, a oficialização aconteceu somente nessa quarta (14). Pelo time marujo, Celsinho tem 106 jogos, com quatro gols marcados e dois títulos do Campeonato Alagoano (2018 e 2019).

Além de ser campeão da Série C com o CSA, Celsinho também já foi conquistou o torneio em 2020, quando estava atuando no Vila Nova. Desde sua saída do Azulão, o jogador passou por Vila, Inter de Limeira, Novorizontino, Remo e CRB.

Novidades

Também nessa quarta (14), aconteceu a apresentação do novo executivo de futebol, Sidiclei Menezes, no Nelson Peixoto Feijó. O profissional esteve ao lado de Cristiano Beltrão e da atual presidente azulina, Mírian Monte.

No ponto alto da apresentação, Sidiclei confirmou que os primeiros jogos do Azulão em 2023 não serão em Maceió, isso por conta da reforma que está acontecendo no Estádio Rei Pelé. Por isso, o duelo contra o Potiguar de Mossoró, no dia 5 de janeiro, pela primeira fase da Copa do Nordeste, será no Fumeirão, em Arapiraca.

Já o confronto pelo Campeonato Alagoano, contra o próprio ASA, não será em Arapiraca. Com isso, ficou confirmado que o clássico será no José Gomes da Costa, em Murici, para que não haja vantagem para os arapiraquenses. O CSA só poderá usar o Rei Pelé a partir do dia 21 de janeiro.

* Sob supervisão da editoria de Esportes.

Mais matérias
desta edição