app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Esportes

Libertadores: S�o Caetano estr�ia Robert no Chile

São Caetano - O São Caetano estréia na segunda fase da Taça Libertadores da América contra o Universidade Católica, em Santiago, no Estádio Nacional do Chile, hoje, às 20h05 (horário de Brasília). Este é o primeiro confronto entre os times, que decidirã

Por | Edição do dia 25/04/2002 - Matéria atualizada em 25/04/2002 às 00h00

São Caetano - O São Caetano estréia na segunda fase da Taça Libertadores da América contra o Universidade Católica, em Santiago, no Estádio Nacional do Chile, hoje, às 20h05 (horário de Brasília). Este é o primeiro confronto entre os times, que decidirão a vaga no jogo de volta, dia 1º de maio, no ABC. E o vice-campeão brasileiro vai com forças renovadas para vencer seu adversário. A principal novidade é a estréia do meia Robert, emprestado pelo Santos. Ele treinou apenas dois dias com os novos companheiros, mas mostrou muita disposição e ganhou a confiança do técnico Jair Picerni. O time ganha mais agressividade com a entrada do ex-santista no meio-campo, que volta a ter dois volantes de marcação. Além do titular Marcos Senna, o alto e forte Serginho ganha a vaga de Marlon e tem a orientação de ficar atento na marcação, na cobertura da defesa e dos laterais. As mudanças não param aí. No ataque, Picerni resolveu trocar o Brandão por Somália. “O Brandão é bom jogador, mas não está num momento bom. Então o Somália terá outra chance”, justificou Picerni. Anaílson continua tendo liberdade de movimentação na frente, com Wágner sendo opção no banco de reservas. Picerni admite que o empate fora de casa, nestas circunstân-cias, seria bom resultado. Mas garante que seu time vai lutar pela vitória. “Podemos até fechar a marcação dentro de uma condição de jogo”, desconversou o técnico. Ele também reforçou aos jogadores o regulamento que tem como primeiro item de desempate o saldo de gols. Universidad Católica: Jonathan Walker; Cristián Alvarez, Pablo Lenci, Miguel Ramírez, Miguel Ponce; Mauricio Segovia,Jorge Acuña, Patricio Ormazábal, Milovan Mirosevic; Daniel Pérez ou Rodrigo Barrera e Arturo Norambuena. São Caetano: Silvio Luiz; Russo, Daniel, Dininho e Rubens  Cardoso; Marcos Senna, Serginho, Robert e Adãozinho; Anaílson e Somália. Árbitro: Daniel Giménez (ARG), assistido por seus compatriotas Angel Sánchez e Claudio  Rossi.

Mais matérias
desta edição