app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5749
Esportes

Flamengo inicia luta pelo bi contra Olaria

Rio de Janeiro - O Flamengo dá o pontapé inicial no sonho de conquistar o bicampeonato do Rio de Janeiro hoje, às  15h (hora de Alagoas), enfrentando o Olaria, no Maracanã,  pelo Grupo A da competição. A  partida, com transmissão da TV Globo, será prelimi

Por | Edição do dia 23/01/2005 - Matéria atualizada em 23/01/2005 às 00h00

Rio de Janeiro - O Flamengo dá o pontapé inicial no sonho de conquistar o bicampeonato do Rio de Janeiro hoje, às  15h (hora de Alagoas), enfrentando o Olaria, no Maracanã,  pelo Grupo A da competição. A  partida, com transmissão da TV Globo, será preliminar de Fluminense x Madureira, partida que começará às 17h. Com uma equipe modificada em relação a 2004, o time da Gávea aposta suas fichas na categoria do veterano Zinho e do promissor Ibson, um dos poucos jogadores a se salvarem na fraca campanha no Campeonato Brasileiro. O Olaria, treinado pelo ex-craque Arthurzinho, por sua vez, quer pregar uma peça no Flamengo. O clube rubro-negro estreará no Estadual já pensando em reabilitação. Afinal, na última quinta-feira, o time foi derrotado por 1 x 0 pelo Volta Redonda – que jogou com um time misto – na decisão do Torneio de Verão da cidade sul-fluminense. Para enfrentar o Olaria, o técnico Júlio César Leal não terá o lateral-direito China e o zagueiro Júnior Baiano, lesionados. Os novatos Fábio e Tiago serão os substitutos. A novidade do ataque rubro-negro será a presença de Marcos Denner, que disputou o Brasileiro pelo Criciúma. Mas a maior esperança de gols é Dimba, que ano passado sofreu com problemas de relacionamento na Gávea. “É um atacante nato, com uma grande capacidade de criar situações de gol. Só precisa de um pouco mais de confiança, e estamos procurando dar isso a ele”, disse Júlio César Leal, que aposta no atacante. Alerta A derrota para o misto do Volta Redonda, quinta-feira, acendeu o sinal de alerta no Flamengo. O meia Zinho reconhece que um certo clima de apreensão tomou conta do ambiente no Rubro-Negro e acredita que qualquer resultado que não seja vitória contra o Olaria, hoje, na estréia do Estadual, deverá aumentar a tensão. “Vai ter pressão, é normal. Está criado um clima de desconfiança entre os torcedores. Portanto, é fundamental iniciarmos o campeonato com vitória. Caso aconteça algo adverso, caberá a nós, os mais experientes, ficar à frente e apoiar os mais jovens”, afirma Zinho, reforçando sua preocupação com a juventude do elenco da Gávea. “Alguns jogadores vão fazer seu primeiro campeonato oficial pelos profissionais. Isso pode pesar. É bom trabalharmos em cima disso”, alerta o jogador de 37 anos. Surpreender O objetivo do Olaria é surpreender o favorito Flamengo. Treinado por Arthurzinho, o time da Rua Bariri tem um convênio com o Vasco e disputará o Estadual do Rio com um time jovem – ao contrário do Madureira, que investiu em veteranos. “O Olaria será um revelador de craques, não um clube comprador. O Flamengo é o favorito, mas esperamos fazer um bom jogo e surpreender”, declarou Arthurzinho. Flamengo: Diego, Fábio, Tiago, Fabiano e Júlio Moraes;  Da Silva, Júnior, Ibson e Zinho;  Dimba e Marcos Denner. Olaria: Marcos, Leandro, Domício, Alex e Max; Leonardo  (Berger), Rodrigo e Marcelo; Júlio César (Fábio), William e Edvaldo. A primeira rodada do Cam-peonato do Rio de Janeiro tem hoje mais três jogos. Pelo grupo A, o Vasco recebe a Portuguesa, em São Januário. No B, o Fluminense enfrenta o Madureira, no Maracanã, e o Americano joga contra o Cabofriense, na cidade de Campos.

Mais matérias
desta edição