app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5758
Esportes

Com superequipe, alagoanos disputam o Piocer�

ABIDES DE OLIVEIRA A superequipe alagoana  Sururu Rally Team, composta  por 30 pessoas, está pronta para disputar, a partir do dia 25 deste mês, o 18º Rali Piocerá, maior prova de enduro de regularidade do Norte e Nordeste. Até o próximo dia 30, a Surur

Por | Edição do dia 23/01/2005 - Matéria atualizada em 23/01/2005 às 00h00

ABIDES DE OLIVEIRA A superequipe alagoana  Sururu Rally Team, composta  por 30 pessoas, está pronta para disputar, a partir do dia 25 deste mês, o 18º Rali Piocerá, maior prova de enduro de regularidade do Norte e Nordeste. Até o próximo dia 30, a Sururu Rally Team percorrerá cerca de 1.400km pelo Maranhão, Piauí e Ceará. Ao todo, os pilotos irão passar por 35 cidades dos três estados. Este percurso é para carros, motos e quadriciclos. Na categoria mountain bike serão 250km e na trekking, que estréia no Piocerá, os atletas terão 46km de competição. Os alagoanos participam da prova com seis equipes na modalidade carros 4x4, três na carros 4x2, três na motos e duas na categoria mountain bike. Além disso, o grupo contará com uma equipe de apoio, fotógrafo e cinegrafista. “Vamos registrar a participação da nossa equipe”, diz o coordenador da equipe, o ortopedista Neurivan Calado Barbosa. Segundo a organização do evento, a Sururu Rally Team é uma das maiores da competição. “Desde outubro que a gente vem se organizando para o Piocerá. Mas tive a idéia de criar a equipe durante o Campeonato Brasileiro de Rali”, afirma Neurivan Calado, que participa da prova pela primeira vez e será navegador ao lado do piloto Gustavo Accioly. “Nossa meta é estender a participação da Sururu para outras competições”, comenta Neurivan, que irá disputar, ao lado de Gustavo Accioly, o Rali dos Sertões, em agosto deste ano, na categoria Super-Pro-duction. A expectativa da equipe é fazer uma boa prova e lutar pelo título. “Eu e meu piloto conseguimos o terceiro lugar no campeonato brasileiro de 2004, e queremos muito ganhar o Piocerá”, disse Neurivan Calado.

Mais matérias
desta edição