app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5756
Esportes

�rbitro alem�o admite ter manipulado jogos

Suspeito de corrupção desde a semana passada, o árbitro alemão Robert Hoyzer admitiu ontem que manipulou jogos para tirar vantagem de apostas, segundo informações do canal de notícias N 24 e do jornal “Bild”. Hoyzer confessou ter participado de um esquem

Por | Edição do dia 28/01/2005 - Matéria atualizada em 28/01/2005 às 00h00

Suspeito de corrupção desde a semana passada, o árbitro alemão Robert Hoyzer admitiu ontem que manipulou jogos para tirar vantagem de apostas, segundo informações do canal de notícias N 24 e do jornal “Bild”. Hoyzer confessou ter participado de um esquema de manipulação de partidas e quer colocar-se à disposição da procuradoria de Berlim como testemunha para outras investigações sobre fraudes no mundo das apostas. A DFB (sigla em alemão de Federação Alemã de Futebol) tinha apresentado na quarta-feira uma denúncia penal contra Hoyzer ante a procuradoria de Berlim. Hoyzer é acusado de ter apostado grandes quantias pelo SC Paderborn e depois favorecer essa equipe no jogo da Copa da Alemanha contra o Hamburgo, disputado em 21 de agosto de 2004. O Hamburgo estava em vantagem de 2 a 0 quando Hoyzer apitou dois pênaltis a favor do Padeborn, um deles claramente inexistente e outro duvidoso, além de expulsar o atacante Emile Mpenza. A partida acabou com vitória de 4 a 2 para o Padeborn, equipe da segunda divisão. Depois do jogo, a agência de apostas Oddset informou à DFB que tinham sido registradas fortes apostas a favor do Padeborn, o que gerou uma primeira investigação que não detectou indícios de irregularidade. No entanto, na semana passada foram feitas novas denúncias, originando uma nova investigação que levou um dirigente da DFB à convicção de que houve manipulação pelo menos na partida entre Hamburgo e Paderborn.

Mais matérias
desta edição