app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Esportes Alagoano João Victor em ação, durante treinamento do Flamengo, clube onde foi oficialmente negociado em janeiro

ALAGOANO DIZ ESTAR REALIZANDO UM SONHO DE CRIANÇA NO FLA

Atacante João Victor, que defendeu as cores do Zumbi, veio passar um curto período de férias em Alagoas, para rever familiares e amigos

Por Fernanda Medeiros | Edição do dia 25/11/2023 - Matéria atualizada em 25/11/2023 às 04h00

Cria do Zumbi, clube de União dos Palmares-AL, João Victor Silva dos Santos, 19 anos, que está no Flamengo, desde o início do ano, voltou a Alagoas, mas apenas para alguns dias de férias. Ele aproveitou para visitar familiares e amigos. Inclusive, já retornaria ao Rio de Janeiro, nessa sexta (24), para se reapresentar ao Rubro-Negro.

João Victor foi oficialmente negociado com o Flamengo no final de janeiro deste ano, para integrar as categorias de base do clube carioca. Hoje ele faz parte do time sub-20, com contrato válido até 2026.

Em meio ao período de folga, ele arrumou um tempinho e conversou com a Gazeta, sobre como é estar defendendo as cores do Mengão. "É gratificante demais estar fazendo parte de um grande clube e estar realizando um sonho de criança", afirmou.

Após ser destaque na Copa São Paulo de Futebol Junior de 2023, defendendo as cores do Zumbi-AL, o atacante alagoano chamou a atenção da diretoria rubro-negra, mesmo após a eliminação do Pantera para o Sport, na segunda fase da competição.

Nascido em Flexeiras-AL, João Victor tem um irmão, Júlio César. Ele contou que foi abandonado pelo pai biológico e foi criado pelo tio José Cícero Batista. "O qual tenho o maior orgulho de chamar de pai", revelou, acrescentando que sua mãe de criação é a avó, dona Sônia.

O jovem talentoso lembrou como iniciou sua paixão pelo futebol, que já vem desde criança, até chegar a um grande clube. "Há cinco anos, eu via a minha mãe (avó) deixar de comer para sobrar comida para mim e meu irmão. Às vezes saía para jogar bola apostando para comer e não vê-la ficar sem comer. Hoje eu tenho orgulho de mim e não reclamo de nada que passei".

No Flamengo, Victor disputou o Campeonato Carioca Sub-20, a Copa Rio e o Brasileiro da categoria. O técnico dos meninos no Flamengo é Mário Jorge. "Fomos campeões no Brasileiro. E também disputamos a Copa Atlântico, no Recife", destacou.

E não esqueceu de agradecer a Deus, pelo momento que está vivendo no futebol e com a sua família, suas duas paixões. "Deus sempre esteve comigo e, graças a Ele, a meu pai (tio) e a minha mãe (vó), por terem me dado o incentivo de buscar meu sonho, hoje não falta nada, não falta comida dentro de casa", encerrou.

Conforme matéria já veiculada na Gazeta, o Flamengo não adquiriu 100% dos direitos econômicos de Victor. Há cláusulas onde o time carioca tem duas opções de compra. A primeira, em 2025, e a segunda, em 2026. Caso decida ativar as duas opções, o Fla ficará com 70% do atleta e o Zumbi mantém 30%.

Mais matérias
desta edição