app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5717
Esportes

Djalminha agride t�cnico do La Coru�a

São Paulo - Irritado com a marcação de um pênalti contra sua equipe no treino desta quarta-feira, o meia brasileiro Djalminha, do La Coruña, deu uma cabeçada no técnico da equipe, Javier Iureta. A informação foi divulgada pelo site do jornal espanhol “Mar

Por | Edição do dia 02/05/2002 - Matéria atualizada em 02/05/2002 às 00h00

São Paulo - Irritado com a marcação de um pênalti contra sua equipe no treino desta quarta-feira, o meia brasileiro Djalminha, do La Coruña, deu uma cabeçada no técnico da equipe, Javier Iureta. A informação foi divulgada pelo site do jornal espanhol “Marca”. Após a marcação do pênalti, o brasileiro - cotado para estar entre os convocados de Luiz Felipe Scolari para disputar a Copa do Mundo - tentou impedir por diversas vezes a cobrança da penalidade, chutando a bola para longe do gol. Agressão Quando o treinador tentou afastar Djalminha da jogada, foi agredido. A indisciplina do brasileiro irritou os quase 100 torcedores que acompanhavam o treino e que tentaram agredi-lo na saída do campo. O meia brasileiro só não foi também agredido por torcedores, graças à segurança do clube. Diretoria O técnico do La Coruña, Javier Irureta, disse que o incidente com o meia brasileiro Djalminha será resolvido internamente. “Não foi nada. É um pequeno problema que será resolvido pela diretoria do clube e não há mais nada a se comentar”, declarou na entrevista depois do treino. Djalminha, revoltado com a marcação de um pênalti durante o treino do La Coruña, tentou impedir a cobrança por várias vezes. Na discussão que se seguiu, depois que Irureta o mandou para fora do campo, o brasileiro desferiu uma cabeçada no treinador. Irureta afirmou que serão utilizados os princípios de disciplina e autoridade na hora de resolver o incidente, classificado pelo técnico como “lances de jogo”. “Foi uma pequena discussão, não só comigo, mas também com Paco Melo (auxiliar-técnico que marcou o pênalti)”. O treinador destacou que a diretoria do clube vai tomar a decisão, insinuando que Djalminha pode ser multado. Mas não culpou o jogador. “Djalminha quer estar em todas as jogadas, é próprio de final de temporada. Os nervos estão à flor da pele, é normal no final da temporada. Este tipo de coisa acontece em outras equipes também”.

Mais matérias
desta edição