app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Esportes

Corinthians preocupado em melhorar seu ataque

Na análise feita pela diretoria e, principalmente, pelo técnico Joãozinho, a falta de um melhor ataque tem sido o ponto negativo para o Corinthians não ter conseguido uma vitória sequer neste segundo turno. Para se ter uma idéia disso, basta dizer que o t

Por | Edição do dia 03/05/2002 - Matéria atualizada em 03/05/2002 às 00h00

Na análise feita pela diretoria e, principalmente, pelo técnico Joãozinho, a falta de um melhor ataque tem sido o ponto negativo para o Corinthians não ter conseguido uma vitória sequer neste segundo turno. Para se ter uma idéia disso, basta dizer que o time só marcou um gol em quatro jogos. Foi na estréia diante do CSA e, ainda assim, por um jogador de meio-campo, Damon. No segundo jogo, o mesmo problema, em Murici, a 55 Km de Maceió, com dois meias sendo escalados no ataque, sem qualquer resultado, porque os atacantes existentes no grupo não estavam bem. No clássico contra o CRB, o time até que fez um bom segundo tempo, criando chances, mas não teve homens especialistas em finalização. Os dois que poderiam resolver a situação, não puderam jogar: Júnior, contundido, e o novato Adílson sofreu lesão na véspera da partida diante do CRB. Contra o Capela, quarta-feira, os dois continuaram de fora. Para a partida de domingo, contra o Murici, na casa do inimigo, em outro jogo muito difícil, o técnico Joãozinho ainda não sabe se continuará sem escalar Júnior e Adílson. Diante dos problemas, a diretoria do Corinthians trouxe de volta o atacante Quirino, que já está legal para domingo e ainda ontem estava trabalhando para trazer mais um jogador de frente.

Mais matérias
desta edição