app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5716
Esportes

CRB vence, mant�m a lideran�a e ainda � vaiado por sua torcida

O CRB fez uma das suas piores atuações dos últimos tempos, mas ainda assim derrotou o Penedense por 3x1, domingo, no Rei Pelé, mantendo-se na liderança isolada do Estadual-2002. A atuação do Alvirrubro foi tão irritante, mesmo na frente do placar dura

Por | Edição do dia 07/05/2002 - Matéria atualizada em 07/05/2002 às 00h00

O CRB fez uma das suas piores atuações dos últimos tempos, mas ainda assim derrotou o Penedense por 3x1, domingo, no Rei Pelé, mantendo-se na liderança isolada do Estadual-2002. A atuação do Alvirrubro foi tão irritante, mesmo na frente do placar durante toda a partida, que sua torcida vaiou a equipe desde o primeiro tempo. O time pareceu sem vibração, displicente, como se estivesse sem vontade de jogar, diante de um adversário frágil e último colocado na classificação do returno. Para se ter uma idéia desta má atuação do CRB, basta dizer que o Penedense esteve mais organizado em campo e muito perigoso nos seus ataques, só não conseguindo um melhor resultado porque não teve competência e categoria. Logo aos sete minutos, o Galo deu a impressão de que chegaria a uma fácil goleada. O gol foi do garoto Macinho, ex-júnior, que estava substituindo o titular Sílvio, contundido. O jovem atacante recebeu a bola na entrada da pequena área e chutou forte por baixo. O time regatiano começou a irritar a torcida logo a seguir, errando muitos passes e permitindo ao adversário equilibrar a partida. O empate só não aconteceu aos 44 minutos, porque Marcelo André errou o chute na pequena área. No segundo tempo, o CRB surpreendeu ao marcar aos 45 segundos, novamente com Macinho, aproveitando-se de uma falha da zaga penedense. O CRB continuou como no primeiro tempo: errando demais e parecendo sem força para aumentar o placar. Aí o Penedense começou a ameaçar uma reação, diminuindo o placar aos 15 minutos, quando Edvaldo foi lançado, driblou o goleiro e marcou. O Penedense continuou tentando mais um gol e por pouco não fez em duas oportunidades. Em uma delas, o goleiro Geraldo estava fora da meta e Joan tentou por cobertura, quando apareceu Calisto para salvar. Para surpresa do Penedense, o CRB fez o terceiro, aos 48 minutos, através de Fabrício, em jogada de Lau pela esquerda. CRB – Geraldo; Saymon, Bruno (Fernandinho) e Marcão;  Marquinhos, Fernando César,  Lau, Saulo (Fabrício) e Calisto;  Wagner Wesley (Ânderson) e  Macinho. Penedense – Nem; Evanílson, Fábio Laranjeiras, Laelson e Esquerdinha; Róbson, Jal, Fábio (Paulo Cajé) e Marcelo André (Luizão); Joan e Edvaldo. Árbitro – Hércules Martins. Renda – R$ 4.770,00. Público – 1.449 pagantes.

Mais matérias
desta edição