app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Esportes

Torneio projeta o surgimento da temporada local de jet ski

A abertura da temporada 2002 do Circuito Norte/Nordeste de Jet Ski, há uma semana na Praia de Ponta Verde, traz como conseqüência a realização da primeira edição do Campeonato Alagoano da modalidade, que não só já tem a previsão de início como a estimat

Por | Edição do dia 12/05/2002 - Matéria atualizada em 12/05/2002 às 00h00

A abertura da temporada 2002 do Circuito Norte/Nordeste de Jet Ski, há uma semana na Praia de Ponta Verde, traz como conseqüência a realização da primeira edição do Campeonato Alagoano da modalidade, que não só já tem a previsão de início como a estimativa de etapas: respectivamente em julho e um total de cinco disputas. A primeira prova do Alagoano está entre a Barra de Santo Antônio e Barra Nova. “Quem perder a disputa inicial vai sediar a segunda etapa”, salienta o piloto Marcos Vinícius, um dos que estão à frente da organização do estadual de jet ski, que a exemplo do certame regional também vai contar com a participação de pilotos de outros Estados. Mesmo ainda sem a disseminação deste esporte, por aqui, em Alagoas já há seis pilotos capacitados para a disputa de jet ski. Sobre a etapa inaugural do Norte/Nordeste 2002, denominada de I Copa Setures de Jet Ski, contou com a participação de 36 pilotos dos 45 que se inscreveram. Dos visitantes, paraibanos, piauienses, pernambucanos, baianos e potiguares. A briga pelo título ficou entre Pernambuco e Bahia, com os baianos ganhando três das cinco categorias em disputa e os pernambucanos as outras duas. Binho (BA), vice-campeão mundial na categoria free style, terminou em 1o lugar neste mesmo estilo e na 135hp. Outro baiano vencedor foi Moscato, na 110hp. Já, os detentores das outras categorias foram os pernambucanos Paulão, na 80hp; e Colaço, na jet ski em pé. Apesar de não ter a mesma tradição de outros centros, Alagoas também foi destaque do torneio, inclusive com duas medalhas de bronze: Bruno Toledo, na 80hp; e Humberto Costa Neto, na 110hp. Além disso,  Marcos Vinícius ficou em 4o lugar neste último estilo. As duas próximas etapas do circuito são em Triunfo (PE), em julho; e em Candeias (BA), em agosto. E não está descartada uma quarta etapa, novamente em Alagoas. Para tanto, a Setures (Secretaria de Estado do Turismo e Esportes) está em entendimento com a Apajet (Associação Pernambucana de Atletas de Jet Ski) – organizadora do certame regional.

Mais matérias
desta edição