app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Esportes

Copa Am�rica re�ne destaques do Brasil

São Paulo - A V Copa América abre a temporada 2006 do ciclismo brasileiro hoje, reunindo os destaques nacionais da modalidade e convidados de outros sete países no autódromo José Carlos Pace, em Interlagos. A prova feminina será disputada a partir das 7h.

Por | Edição do dia 08/01/2006 - Matéria atualizada em 08/01/2006 às 00h00

São Paulo - A V Copa América abre a temporada 2006 do ciclismo brasileiro hoje, reunindo os destaques nacionais da modalidade e convidados de outros sete países no autódromo José Carlos Pace, em Interlagos. A prova feminina será disputada a partir das 7h. Já a prova masculina, com transmissão ao vivo da TV Gazeta, tem largada às 8h40 (ambos horários são de Alagoas). Esta é a chance de ver de perto os brasileiros radicados na Europa Murilo Fischer e Luciano Pagliarini, que depois seguem para Itália e Espanha, respectivamente, para defender equipes da elite mundial. Fischer, quinto colocado no Mundial de Madri em 2005 (melhor colocação do País na história), e Pagliarini, que deve disputar a Volta da França neste ano, nunca venceram a Copa América. “A prova é muito bonita, é um belo show. Provas como essa, rápidas, com ataques, conseguem resumir com beleza as provas clássicas, de longa duração. O ciclismo brasileiro está impressionando os europeus pela organização e crescimento nos últimos anos”, disse Fischer. Em cinco edições da Copa América, o Brasil levou a melhor em três: André Grizante em 2001, Renato Rohsler em 2003 e Nilceu Aparecido dos Santos em 2005. O americano John Lieswyn foi o primeiro colocado em 2002 e o uruguaio Alem Rayes, em 2004. O percurso será de oito a dez voltas no circuito de 4,3km. Na prova feminina, de 21,5km (cinco voltas), o foco se direciona para a disputa entre as goianas Janildes, Clemilda e Uênia Fernandes. As principais concorrentes das brasileiras são a argentina Valéria Pinto, a mexicana Lorenza Morfin, a suíça Sabrina Emmasi e a venezuelana Karelia Machado.

Mais matérias
desta edição