app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5731
Esportes

Grafite lamenta, mas deixa S�o Paulo pela Fran�a

| UOL São Paulo - Grafite diz que lamenta muito, mas não pensou duas vezes quando seu procurador, Gustavo Feijó, pressionou o Le Mans, da França, a depositar US$ 3 milhões para sacramentar uma transferência que irá render ao jogador um salário polpudo e

Por | Edição do dia 27/01/2006 - Matéria atualizada em 27/01/2006 às 00h00

| UOL São Paulo - Grafite diz que lamenta muito, mas não pensou duas vezes quando seu procurador, Gustavo Feijó, pressionou o Le Mans, da França, a depositar US$ 3 milhões para sacramentar uma transferência que irá render ao jogador um salário polpudo e um contrato de três anos. A lamentação de Grafite acontece em virtude do São Paulo não ter sucumbido a idéia de cobrir a proposta do Le Mans, que teria oferecido salário cinco vezes mais alto e três anos de contrato. Seduzido pela oferta do atual 8º colocado do Campeonato Francês, Grafite confirmou ontem que não é mais jogador do São Paulo, depois de ter manifestado insistentemente nos últimos dias que sua permanência dependia muito mais do clube do que de sua própria vontade. A postura do jogador seguiu crítica ao São Paulo, afirmando que lamenta a maneira que sua história pelo clube está se encerrando. “Queria sair de maneira amigável, tentando que fosse pela porta da frente. Mas quando se envolve a Justiça, a coisa já fica conturbada”, disse Grafite, referindo-se à atitude de seu procurador, que preferiu fazer um depósito para acelerar seu desligamento do São Paulo e acionar a Justiça. Interessado desde o começo em aceitar a proposta, Grafite não reprovou a contraproposta do Tricolor, que chegou a oferecer 100% de aumento e mais um contrato de dois anos, fator que desagradou o jogador, interessado em ficar apenas mais seis meses. Grafite deve comparecer ao CCT da Barra Funda hoje para se despedir. “Quero um bom relacionamento depois da minha saída”, disse o jogador que se apresenta ao Le Mans na segunda-feira.

Mais matérias
desta edição