app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5656
Esportes Italiano Carlo Ancelotti disse que queria permanecer no Real Madrid, mas confirmou contato com a CBF

Carlos Ancelotti explica porque recusou Brasil e permaneceu no Real

Treinador renovou com time merengue na última semana

Por GE | Edição do dia 03/01/2024 - Matéria atualizada em 03/01/2024 às 04h00

Com contrato renovado com o Real Madrid até 2026, Carlo Ancelotti declarou que tinha um interesse maior em seguir no clube espanhol do que assumir a seleção brasileira. O técnico italiano confirmou que teve conversas com Ednaldo Rodrigues, destituído do cargo de presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Porém, afirmou ter dado preferência aos merengues e comemorou a renovação, firmada na semana passada.

“A realidade é a que todo mundo sabe, o Real Madrid também, que eu tive contato com o presidente naquele período, que era o Ednaldo Rodrigues. Quero agradecê-lo porque me demonstrou carinho e interesse para que eu treinasse a seleção brasileira. Me deixou muito honrado, mas dependia da minha situação no Real Madrid. Que isso fique claro para todos. Nos últimos meses, aconteceu que o Ednaldo não é mais presidente da confederação. No fim das contas, as coisas foram como queria, que era continuar aqui”, disse Ancelotti, em coletiva de imprensa nessa terça-feira.

O vínculo anterior de Ancelotti era até junho de 2024. O técnico italiano foi dado como certo no comando da Seleção por Ednaldo Rodrigues. O treinador, no entanto, nunca havia comentado sobre o suposto acerto e renovou o contrato com o Real Madrid.

“Ser técnico da Seleção é um grande sonho, mas não sei se em 2026 o Brasil vai me querer. Não sei se estão contentes com a minha decisão”, comentou Ancelotti.

PROBLEMÃO

A CBF vive impasse pela decisão da Justiça que tirou Ednaldo Rodrigues da presidência, mas não é reconhecida pela Fifa pela Conmebol. As duas entidades internacionais marcaram visita para janeiro, quando uma eleição poderá ser marcada. Os pré-candidatos são Reinaldo Carneiro Bastos e Flávio Zveiter.

Ancelotti está em sua segunda passagem pelo Real Madrid. Comandou o time espanhol de 2013 a 2015 e está desde 2021 no clube. Ao todo, conquistou 10 títulos com os merengues: duas Champions League, dois Mundiais de Clube, duas Supercopas da Europa, uma La Liga, duas Copas do Rei e uma Supercopa da Espanha.

Ele soma 260 jogos no comando do clube, com 188 vitórias, 41 empates e 31 derrotas. Com mais três partidas, ele iguala Zidane como segundo técnico com mais jogos na equipe. O italiano é o treinador com mais vitórias pelo Real Madrid na história da Liga dos Campeões e busca conquistar o tricampeonato do torneio nesta temporada.

Mais matérias
desta edição