app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5647
Esportes Sinner (foto) fez história e eliminou o sérvio Novak Djokovic para disputar a final do Australian Open de tênis

Finais masculina e feminina do Australian Open serão neste fim de sema

Quem vencer a final receberá uma premiação de R$ 10,51 milhões

Por Matheus Guimarães | Edição do dia 27/01/2024 - Matéria atualizada em 27/01/2024 às 04h00

A final do simples masculino do Australian Open será disputada neste domingo (28), entre o italiano Jannik Sinner, de apenas 22 anos, e o experiente russo Daniil Medvedev, a partir das 5h30. Quem vencer a final receberá uma premiação de R$ 10,51 milhões. O vice-campeão ganha R$ 5,6 milhões. A grande decisão foi definida na manhã dessa sexta-feira (26).

Sinner venceu nada mais que Novak Djokovic na primeira semifinal. Maior vencedor de grand slams da história, com 24 títulos, o sérvio praticamente só observou o número 4 do atual ranking da Associação de Tenistas Profissionais vencer o maior jogo de sua carreira.

Com parciais de 6x1, 6x2, 6x7 e 6x3, Sinner despachou Novak para casa e irá disputar sua primeira final de major em sua carreira.

Na segunda partida realizada nessa sexta (26), o alemão Alexander Zverev enfrentou o 3° melhor tenista ranqueado do mundo, Danill Medvedev, da Rússia, para a definição do segundo finalista do Australian Open. Em partida de 4 horas e 18 minutos de duração, Medvedev venceu o alemão por 3 sets a 2, após perder os dois primeiros sets. As parciais do jogo foram de 5x7, 3x6, 7x6, 7x6 e 6x3.

O russo irá para sua quarta final de Grand Slam e sua terceira final de Australian Open. Danill já venceu um major em 2021, o US Open, e irá em busca de sua segunda conquista.

Lembrando que a grande final será disputada neste domingo (28), em jogo único do dia, mas o horário, até o fechamento desta matéria, ainda não tinha sido divulgado.

FEMININO

De um lado da chave a ucraniana Dayana Yastremska enfrentou a chinesa Qinwen Zheng, a atual 15° colocada no ranking mundial da Women’s Tennis Association (WTA).

Com parciais de duplo 6x4, Zheng venceu a partida por 2 sets a 0 e faz com que a China voltasse a ter uma representante em finais de Slams depois de 10 anos. Em 2014, a tenista Na Li foi a última representante do país em finais e, inclusive, sagrou-se campeã.

Do outro lado da chave, a americana Coco Gauff e Aryna Sabalenka, representante da Bielorrúsia, protagonizaram o jogo que definiu a última finalista do torneio. Aplicando 7x6 no primeiro set e 6x4 no segundo, Sabalenka chega às finais do Australian Open para defender seu título. A bielorrusa é a atual campeã da competição.

O confronto final no feminino abre a sessão noturna deste sábado (27), em Melbourne, e será realizado às 5h30 (horário de Brasília).

Mais matérias
desta edição