app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5655
Esportes Momento do jogo entre CRB e Athletico-PR, na Copa do Brasil do ano passado, disputado no Estádio Rei Pelé, válido pela 3ª fase

Copa do Brasil: CRB, ASA e Murici conhecem adversários da 1ª fase

Galo joga como visitante nesta 1ª etapa da competição; já Alvinegro e Verdão atuam em seus domínios

Por Guilherme Nobre | Edição do dia 31/01/2024 - Matéria atualizada em 31/01/2024 às 04h00

A Copa do Brasil de 2024 teve os duelos da 1ª fase definidos na tarde dessa terça (30). O sorteio aconteceu na sede da CBF, no Rio de Janeiro. Os representantes alagoanos são ASA, CRB e Murici, que terão adversários duros pela frente. Os potes foram definidos de acordo com o Ranking Nacional de Clubes da CBF de 2024. O Murici foi o primeiro alagoano sorteado e enfrentará o Confiança, possivelmente José Gomes da Costa, em Murici. Caso avance, o Verdão terá pela frente o vencedor de Trem e Sport Recife.

O CRB foi o segundo alagoano a aparecer no sorteio. E ficou na Chave 31, contra o Rio Branco, atual campeão acreano. O Galo será o único dos alagoanos que joga como visitante, por estar previamente no Pote B. Se conseguir eliminar o Rio Branco, o CRB enfrentará quem passar do duelo entre Athletic e Volta Redonda.

ASA X INTER-RS

O maior destaque entre os times locais ficou para o Alvinegro, que terá pela frente o Internacional, campeão da competição em 1992. Por estar com o pior ranqueamento, o ASA disputará a partida em casa. Inclusive, será o segundo ano seguido que o Internacional enfrentará um alagoano. Em 2023, o Colorado eliminou o CSA na 3ª fase, nos pênaltis. O vencedor de ASA e Inter enfrentará o vitorioso de Itabuna x Nova Iguaçu na 2ª fase.

Nesta primeira fase participam 80 clubes. Os outros 12 classificados têm o benefício de entrar apenas na terceira fase, por estarem na Libertadores ou serem campeões da Copa do Nordeste, Copa Verde e Série B de 2023.

Os jogos da 1ª fase estão previstos para os dias 21 e 28 de fevereiro. Os valores de premiação das primeiras duas fases dependem da divisão que o clube disputa. Nessa 1ª etapa, os valores são: R$ 1,4 milhão (Série A), R$ 1,25 milhão (Série B) e R$ 750 mil para clubes das Série C, D ou que se encontram sem divisão.

Mais matérias
desta edição