app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5751
Esportes Nos seis jogos que disputou longe de Alagoas, time regatiano marcou apenas oito gols e tomou 13

CRB tem baixo aproveitamento como time visitante nesta Série B

Equipe regatiana conquistou apenas dois pontinhos em 18 disputados, jogando fora de casa

Por Guilherme Nobre | Edição do dia 06/07/2024 - Matéria atualizada em 06/07/2024 às 04h00

O CRB está em ritmo de preparação para mais um confronto longe de Alagoas. Nessa sexta-feira (5), o elenco fechou mais um trabalho no CT Ninho do Galo, antes da viagem para o interior de São Paulo, onde vai encarar o Mirassol, na próxima terça-feira (9), às 21 horas.

Além de ter que encarar mais de 1.900km de distância, o time regatiano tentará melhorar seu aproveitamento longe de Maceió que, até o momento, é abaixo do esperado nesta Série B: apenas 11%.

Em 18 pontos disputados nas seis partidas que realizou longe de casa, o CRB conquistou apenas dois, nos empates por 2x2, contra o Ceará, e 1x1, contra o Paysandu. Nos outros quatro duelos, amargou derrotas para Novorizontino, Avaí, Ponte Preta e América-MG.

Isso faz com que o CRB, ao lado do Vila Nova, seja o 3º pior visitante da Série B. Os únicos times piores que a dupla são Ituano (um ponto como visitante), e Guarani, que perdeu todas as vezes que atuou fora de Campinas.

Nesses seis jogos que fez longe de Alagoas, o Galo marcou oito gols e tomou 13. Lembrando que no campeonato inteiro o CRB tomou 14 gols. Ou seja, 92% dos gols sofridos pelo time alvirrubro foram longe de Alagoas.

Para fechar o primeiro turno da Segundona, o Galo ainda viajará outras vezes. Depois do Mirassol, o CRB desafiará Goiás e Operário, duas equipes que estão na briga pelo G4.

O Mirassol, dono do mando de campo nesta terça (9), é o quarto melhor mandante da Série B. São cinco vitórias e um empate no Estádio José Campos Maia. Além disso, na única vez na história que Leão e Galo duelaram na casa do Mirassol, os paulistas venceram por 1x0, em duelo no ano passado.

LÉO PEREIRA

As participações do atacante Léo Pereira estão tendo um peso grande nos últimos resultados do CRB. Em boa fase com a camisa regatiana, o jogador tem três participações diretas nos últimos quatro gols marcados pelo Galo. Ao todo, o jogador marcou dois tentos e ainda deu uma assistência no período, afastando as críticas que o cercavam antes do início da Série B.

Antes do mês de junho, Léo Pereira vinha tendo participações mais discretas e, até então, não tinha balançado as redes em competições nacionais em 2024.

Isso mudou a partir do confronto com o América-MG, no dia 15 de junho, quando ele marcou. Na partida seguinte, no empate por 1x1 com o Paysandu, Léo fez mais um gol. Já no desafio contra o Guarani, no Rei Pelé, ele deu assistência para o tento de Gegê, que decretou a vitória regatiana.

Com essas participações recentes, Léo Pereira atingiu a melhor marca de sua carreira, referente a números. Para o atleta, 2024 já é seu ano mais artilheiro, com seis gols ao todo, empatando com 2021, durante sua passagem pelo Grêmio.

Além disso, já são seis passes para gol computados, sendo quatro no Campeonato Alagoano e outros dois na Copa do Nordeste e Campeonato Brasileiro. Isso dá a Léo uma participação direta em 12 gols do CRB em 2024.

No ranking de participações diretas, Léo está apenas atrás de Anselmo Ramon, que marcou 18 gols e deu três assistências, totalizando 21 participações.

A boa fase de Léo Pereira também chama atenção do clube regatiano referente a possíveis sondagens de outras equipes. O jogador de 24 anos teve o nome especulado no Vitória, recentemente. No entanto, ele prefere deixar a questão de possíveis propostas para seus empresários decidirem.

Titular na ponta esquerda regatiana, Léo Pereira está apto para o confronto da próxima terça-feira, contra o Mirassol, válido pela 14ª rodada da Série B.

* Sob supervisão da Editoria

Mais matérias
desta edição