app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Fatos & Notícias

Confira os destaques da política alagoana #FN20032020

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 20/03/2020 - Matéria atualizada em 19/03/2020 às 22h46

Como forma de auxiliar na identificação dos casos de Covid-19 em Alagoas, a Campanha de Vacinação contra a Influenza foi antecipada e começa na próxima segunda-feira (23), nos 102 municípios alagoanos.

A Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas anunciou que as primeiras 224.400 doses da vacina para idosos e trabalhadores da saúde estão sendo distribuídas desde ontem. A decisão de antecipar a ação partiu do Ministério da Saúde para que a Influenza possa ser descartada na triagem de casos para o novo coronavírus.

Em Alagoas, a meta da 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza é vacinar 90% de cada um dos grupos alvos definidos, que corresponde a 991.664 pessoas. Na primeira etapa, serão vacinados 280.517 idosos e 74.278 profissionais que atuam na saúde.


COLETIVA VIRTUAL

Nesta sexta-feira (20), às 10h, o prefeito de Maceió, Rui Palmeira, e o governador de Alagoas, Renan Filho, concedem uma entrevista coletiva virtual à imprensa alagoana. Eles vão falar sobre as ações que estão sendo adotadas para mitigar os danos provocados pela crise do coronavírus. A decisão de uma coletiva virtual se dá para evitar a aglomeração, atendendo a recomendação de autoridades de saúde. Os profissionais de todos os segmentos vão participar perguntas que serão realizadas por meio do aplicativo Whatsapp.


SESSÃO REMOTA

A partir de hoje, o Senado adota o sistema de sessão remota, com senadores debatendo e votando matérias à distância, com uso de computador ou telefone celular. A primeira votação é o pedido da Presidência da República para declaração de calamidade pública no país, aprovado na quarta-feira (18) pelos deputados. A segunda votação, prevista para a próxima sexta-feira, será a da Medida Provisória que trata da negociação de dívidas tributárias.


DESACELERAÇÃO

A economia de Alagoas, particularmente, vai sofrer um abalo nunca visto nos últimos anos e o cenário, a partir de agora, pode ser de uma recessão anunciada. Embora com medidas adotadas pelo governo federal para oxigenar a economia, a situação é de uma gravidade sem limite.


PREOCUPAÇÃO

Embora as autoridades tentem evitar qualquer situação de pânico junto à população, nos últimos dias a correria nos supermercados foi grande. Muitas famílias reforçaram a dispensa temendo que haja desabastecimento.


AJUDA A TRABALHADORES

Ministério da Economia informou que planeja pagar um auxílio para os trabalhadores que recebem até dois salários mínimos e forem afetados pela redução de jornada e salários proposta nesta semana pelo governo federal. Também propôs pagar os primeiros 15 dias de afastamento se o trabalhador tiver contraído o coronavírus.


AJUDA A TRABALHADORES 2

O auxílio, destinado aos mais vulneráveis que tiverem renda e jornada reduzida, busca contemplar 11 milhões de trabalhadores, a um custo de R$ 10 bilhões. Os recursos serão provenientes do FAT. A intenção é incentivar o acordo entre empresa e empregado e preservar os empregos.


LEI SECA NOS BAIRROS

A forma de atuação da Operação Lei Seca sofre mudanças em razão do novo coronavírus. Segundo o tenente Emanuel Costa, as abordagens a partir de agora seguirão a modalidade chamada de "presença". "Vamos agora aos bairros com força ostensiva, trabalhando, revistando e observando aqueles que saem dos bares e tenham realmente bebido”.


» A partir deste sábado (21), não haverá mais embarque e desembarque na Estação Mutange de Veículos Leves Sobre Trilhos (VLTs). O anúncio foi feito pela CBTU e segue uma recomendação da Braskem.

» Segundo a CBTU, os trilhos da região estão com a integridade garantida e não há mudanças nos itinerários, mas as paradas na estação serão suspensas devido a instabilidade no solo da área.

» O procurador de Justiça e subcorregedor-geral do Ministério Público Estadual, Luiz de Albuquerque Medeiros Filho, faleceu na manhã de ontem, em João Pessoa, na Paraíba, por complicações pós-cirúrgicas

» Em tempos de coronavírus, o HGE decidiu reduzir o tempo e limitar a quantidade de acompanhantes nas visitas a pacientes internados na unidade.

Mais matérias
desta edição