app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Fatos & Notícias

Confira os destaques da política alagoana #FN22072020

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 22/07/2020 - Matéria atualizada em 21/07/2020 às 22h44

Podem faltar recursos para a saúde, obras de saneamento básico, mas, para estradas, a situação é completamente diferente no governo de Alagoas, que faz a festa para as empreiteiras com obras eleitoreiras. Alheio ao grave problema que enfrenta com a pandemia do coronavírus e à inadimplência da contrapartida do programa do leite, o governador viaja para o interior, promove aglomerações e anuncia a construção de outra estrada, a que liga os municípios de Carneiros a Senador Rui Palmeira.

Isso, naturalmente, não quer dizer que esses municípios não necessitem de assistência do governo mas, no momento, existem outras prioridades, como fortalecer o sistema de saúde na capital e no interior, recuperar o Hospital da Polícia Militar, concluir outras obras inacabadas como a Al-101 Norte e tirar a ficha de campeão de analfabetismo no Brasil de milhares de jovens acima de 15 anos.


PROIBIÇÃO

Os candidatos a prefeito e a vereador esperam com grande expectativa uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral sobre a realização de comícios e eventos públicos antes das eleições. A Câmara dos Deputados está apreciando um projeto de lei que regula essas atividades, o que pode beneficiar a uns e prejudicar a outros.


DISTANCIAMENTO

De acordo com o decreto de calamidade pública, muitos estados ficam proibidos de promover aglomerações e obrigado ainda a fazer a população usar máscaras, além do distanciamento previsível até que passe a pandemia do coronavírus.


QUEDA

O Ministério da Saúde tem comprovado, nos últimos dias, uma queda no número de mortes e infectados pelo coronavírus em todo o Nordeste e particularmente, Alagoas. A tendência, agora, é de diminuir o nível de contaminação, mas todo cuidado é pouco.


EM CAMPANHA

A campanha para prefeito em Maceió já começou, embora a pandemia ainda esteja sido motivo de preocupações. Alfredo Gaspar de Mendonça, por exemplo, não tem perdido tempo. Ele e o seu provável vice, Tácio Melo, têm andado pela periferia da cidade e feito algumas reuniões com lideranças de bairros.


NOVO CRONOGRAMA

Há muito tempo parada, a Braskem anuncia agora um novo cronograma de desembolso para os moradores do Pinheiro, mas nada que resolva a situação da população atingida pelo desastre geológico. Afinal, esse projeto somente vai ser acionado a partir de outubro, varando o ano de 2020


SEM CORTE

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu manter a proibição do corte de energia por falta de pagamento de consumidores de baixa renda. Além disso, residências cujo fornecimento de energia seja fundamental para preservação da vida também continuam com o corte de energia proibido.


SEM CORTE 2

O corte também continua proibido em residências que deixaram de receber a fatura impressa sem autorização do consumidor e naquelas localizadas em locais sem bancos nem lotéricas em funcionamento


URUBU

O fornecimento de energia do município de Messias, no interior de Alagoas, foi interrompido na tarde desta terça-feira (21). À Equatorial Alagoas, que investiga a razão do problema, algumas pessoas relataram que o motivo teria sido um urubu. O animal teria atingido a fiação e causado uma pane. A Equatorial Alagoas afirma que, apesar da versão dos populares ser uma possibilidade, ainda estão sendo investigadas as causas da queda no fornecimento.


» O Ministério Público Estadual (MPE) instaurou inquérito civil para apurar possível malversação de recursos públicos praticados pela Prefeitura de Feira Grande, na Região Agreste de Alagoas.

» Os desvios, de acordo com MP, teriam ocorrido no período de novembro de 2011 a dezembro de 2013.

» A Câmara dos Deputados aprovou Medida Provisória que estabelece 120 dias para estados e o Distrito Federal devolverem à União recursos não usados do auxílio emergencial ao setor cultural devido à pandemia de covid-19. A matéria segue para o Senado.

» A Lei Aldir Blanc prevê o pagamento de três parcelas de um auxílio de R$ 600 mensais para os trabalhadores da área cultural, além de um subsídio para manutenção de espaços artísticos e culturais.

Mais matérias
desta edição