app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Fatos & Notícias

Confira os destaques da política alagoana #FN29072020

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 29/07/2020 - Matéria atualizada em 28/07/2020 às 21h14

Com a perspectiva de volta à normalidade, embora exista a perspectiva de o decreto ser mais rígido nos próximos dias se o número de casos do coronavírus aumentar, o tráfego de veículos nos locais interditados pela Defesa Civil é algo de ser pensado com urgência, para que a cidade não venha a se tornar um inferno mais do que já era.

A previsão, com a interdição de parte do bairro do Mutange, é de que as coisas se compliquem ainda mais quando voltarem as aulas e os expedientes na prefeitura de Maceió e no governo do Estado. Até agora, por exemplo, não se viu nenhuma movimentação da SMTT para que encontre alternativas para melhorar o trânsito na região, que já começou a ficar muito complicado com a mudança de fase de laranja para amarela.

Com o problema no Mutange e consequentemente em Bebedouro, com certeza a situação das avenidas Durval de Góes Monteiro e Fernandes Lima, que por si só já vivem engarrafadas, se tornará um caos e afetará o restante de toda a cidade de Maceió.


SEM OPÇÃO

Para minimizar os congestionamentos, a prefeitura tem que encontrar alternativas emergenciais para que o tráfego não fique inteiramente inviável e passe a comprometer outras ruas e avenidas da capital.

SIMULAÇÃO

Sem a certeza de que as minas fechadas estejam sob controle, a Defesa Civil, juntamente as instituições de apoio, fará nova simulação no próximo mês de agosto. O objetivo é treinar todas as equipes de socorro para trabalharem integradas e com eficiência em caso de um desastre na área do Pinheiro de grandes proporções

PROBLEMA À VISTA

Com o aparecimento de rachaduras, o Abrigo Luiza de Marilac, que acolhe mais de quarenta pessoas idosas, no bairro de Bebedouro, pode ser obrigado a deixar suas instalações. E elas, pra onde irão? Qual o imóvel com as mesmas características ou parecidas poderia ser adquirido pela Braskem para abrigar essas pessoas que não têm onde morar?

ESCLARECIMENTO

A Braskem e as autoridades competentes não devem somente se restringir ao pagamento das indenizações. Mais do que isso, têm a obrigação de resolver problemas pontuais, como o próprio Abrigo Luiza de Marilac, que sobrevive há mais de 60 anos e de outras situações que ainda não chegaram ao conhecimento público.

É HOJE

Depois do governo transferir a volta do transporte intermunicipal para hoje, os usuários terão que se acostumar com a redução do número de passageiros, devidamente equipados com máscaras de proteção. O planejamento é utilizar neste momento somente metade da frota, para saber como se comporta a população usuária deste tipo de serviço.

TREINAMENTO

Um treinamento para o retorno do curso prático de direção veicular, direcionado aos diretores e instrutores de autoescolas, ocorrerá hoje. De iniciativa do Sindicato dos Centros de Formação de Condutores de Alagoas (SindCFC-AL), o curso busca trazer adequações de segurança durante a pandemia. A capacitação acontece em parceria com o Detran e o Sest Senat para colocar em prática as recomendações dos órgãos de saúde.

EM CASA

O Ministério da Economia determinou que os servidores federais com filhos em idade escolar podem trabalhar de forma remota enquanto as aulas estiverem suspensas. A Instrução Normativa vale também para empregados públicos federais, e terá validade a partir da próxima terça-feira (4).


» Desde o início da pandemia, no mês de março, o Procon confeccionou 78 autos de infração relacionados ao descumprimento do decreto estadual em vigor na capital e no interior, relacionado à Covid-19. Também foram feitas 26 notificações e 151 autos de constatação pelos fiscais do órgão.

» A partir de amanhã, mais quatro centros de pesquisa vão dar início aos testes com a vacina chinesa da Sinovac, que é desenvolvida em parceria com o Instituto Butantan.

» A terceira fase de testes em humanos da CoronaVac, como foi chamada esta vacina contra o novo coronavírus, teve início na terça-feira passada (21) no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de São Paulo.

Mais matérias
desta edição