app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Fatos & Notícias

Confira os destaques da política alagoana #FN07012022

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 07/01/2022 - Matéria atualizada em 06/01/2022 às 22h03

A proliferação do surto de gripe e o aumento de casos de Covid-19 fizeram a prefeitura de Maceió acertadamente suspender os festejos carnavalescos. Esta medida, também já adotada em outras capitais do Brasil, a exemplo do Rio de Janeiro, é uma solução preventiva que a população deve entender.

O aumento de casos da influenza e da Covid é o reflexo das comemorações de final de ano sem as devidas precauções como o distanciamento social, o uso de máscaras e a higienização das mãos. A situação, como se vê, é bastante grave e caso venha a ficar sem controle, o governo será obrigado a tomar medidas mais radicais.

Nas UPAs e hospitais de Maceió e do interior, a situação chega à beira do desespero. São centenas de pessoas procurando as unidades de saúde para tratamento gripal, muitos dos casos também com suspeita de Covid e dengue.


JUDICIALIZADO

Mesmo sem ainda julgamento do mérito, o que somente deve ocorrer nos próximos meses, o governo decidiu dar divulgação das próximas etapas do concurso do Corpo de Bombeiros Militar divulgados ontem no Diário Oficial do Estado.


NO CHÃO

Pelo menos dois mil imóveis começaram ontem a ser destruídos pela Braskem na região do Mutange, atingida fortemente pelo afundamento do solo. A medida anunciada pela empresa é para contribuir para a estabilização da área. Essa é a primeira de quatro etapas projetadas pela Braskem.


REFORÇO

Boa parte da população ainda procurar os postos de saúdes para se vacinar contra a Covid-19. Pelo menos 10% ainda não tomaram a primeira dose e a segunda atingiu somente 89% em Maceió, segundo dados oficiais da prefeitura da capital.


20 UNIDADES

Para atingir 100% da meta, a prefeitura estabeleceu mais vinte pontos de vacinação e que poderão atender a população nativa, como turistas. O objetivo é impedir o avanço da doença, que ultimamente recrudesceu em algumas regiões.


VERSÃO PEDIÁTRICA

A Pfzier anunciou que até o mês de março estará entregando um lote de 20 milhões de vacinas para atender crianças de 5 a 11 anos de idade. O que tem sido discutido até agora é a eficácia dessa vacinação, já que muitos pais têm resistido à aplicação do imunizante.


EDUCAÇÃO

O Diário do Município de Maceió trouxe ontem a convocação para a entrega da documentação de todos os candidatos aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS) da rede municipal de educação. O cronograma de entrega dos documentos começa a partir do dia 10, para o cargo de auxiliar de sala, e vai até o dia 13 para os professores de Ensino Religioso, Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia e Língua Estrangeira.


EDUCAÇÃO 2

A documentação deve ser entregue no setor de Recursos Humanos da Secretaria Municipal de Educação (Semed), no bairro Cambona, das 8h30 às 14h. Os candidatos deverão comparecer à sede apenas no dia previsto, de acordo com o seu cargo, conforme estabelecido na portaria.


COVID

A prefeitura da cidade de Aparecida de Goiânia, próxima à capital de Goiás, informou nesta quinta-feira (6) o que afirmou ser a primeira morte de uma pessoa pela variante Ômicron. A vítima foi um homem de 68 anos com comorbidades, doença pulmonar crônica e hipertensão arterial. Ele tinha sido vacinado com três doses de imunizante contra Covid-19. Até o momento, a prefeitura da cidade identificou 55 casos da Ômicron.


» Além ofertar descontos nos pagamentos das anuidades em cota única, a OAB/AL passa a disponibilizar os boletos de forma digital para os advogados de todo o estado

» Os interessados poderão ter acesso à facilidade tanto através do aplicativo de mensagens WhatsApp como por e-mail.

» A Defesa Civil de Maceió promoverá neste fim de semana uma ação para arrecadar donativos para as vítimas das enchentes que atingiram a Bahia.

» As doações poderão ser feitas em três shoppings da capital alagoana. Os estabelecimentos ficam localizados nos bairros de Mangabeiras, Cruz das Almas e Cidade Universitária..

Mais matérias
desta edição