app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5655
Fatos & Notícias

Confira os destaques da política alagoana #FN08022024

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 08/02/2024 - Matéria atualizada em 08/02/2024 às 04h00

O comportamento dos órgãos ambientais sobre as minas da Braskem e a interdição de ruas no no entorno do bairro do Pinheiro, afundado pela prospecção de sal-gema, deixam cada dia mais o maceioense em dúvidas, mesmo que a empresa garanta que toda a movimentação está sendo monitorada com equipamentos de última geração.

Nas notas emitidas pela empresa e publicadas pela imprensa, é passada confiança de que tudo está sob controle, mas, na prática, não é bem assim.

Se tudo estivesse sob absoluto controle, certamente a prefeitura de Maceió não autorizaria a interdição de diversas ruas.

PODE COLAPSAR

Suavemente, técnicos do meio ambiente admitem que as minas no entorno do Mutange podem sim sofrer outras alterações, mas que não causariam riscos para a população. Se há essa possibilidade, é óbvio que as informações técnicas não são precisas.

PLANEJAMENTO

Os órgãos de segurança do Estado finalizaram o esquema especial para garantir a ordem durante o período de carnaval. Paralelamente, a Polícia Rodoviária Federal vai colocar em prática medidas que diminuam os acidentes nas estradas federais.

CONTROLE

Por sua vez, o DMTT e o BPTran estudam maneiras mais eficazes para evitar, a partir desta sexta-feira (9), engarrafamentos monstruosos tanto na Al-101 Sul como na Al-101 Norte. O planejamento é para que o trânsito melhore nessas duas principais rodovias.

SUBINDO

O preço do metro quadrado na orla de Pajuçara tem subido muito nos últimos dias, com uma valorização superior à de outros bairros da capital, analisam técnicos em venda de imóveis.

DE MOLHO

Somente depois do carnaval é que a CPI da Braskem poderá ser iniciada. Se for pela vontade própria do governo federal, ela ficará como está, ou seja, de molho.

ARMA POLÍTICA

Nos bastidores, é tida como certa a utilização da CPI para fins políticos, em ano de eleição, em que a população vai escolher o futuro prefeito e vereadores.

TURBULÊNCIA

O trem fechou entre o Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e o Presidente Lula, o que coloca em risco alguns projetos que já estão circulando no Congresso Nacional. Ninguém sabe quando as nuvens vão clarear.

RISCO

Peitando a Câmara dos Deputados, o governo sabe que corre risco de não concluir alguns projetos importantes que estão em tramitação, especialmente a conclusão da Reforma Tributária

EM JOGO

As desavenças no Planalto já respingam nas eleições municipais, mudanças nas Mesas Diretoras da Câmara e do Senado e em 2026. Com o veto nas emendas parlamentares, o tempo esquentou mais ainda.

Mais matérias
desta edição