app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5754
Internacional

Identificado um novo gene ligado ao c�ncer de pr�stata

Um gene conhecido por seu papel no endurecimento das artérias também pode ser uma das mais importantes causas genéticas do câncer de próstata hereditário. Pesquisadores norte-americanos encontraram mutações no gene, chamado MSR1, em 4,4% dos homens branco

Por | Edição do dia 17/09/2002 - Matéria atualizada em 17/09/2002 às 00h00

Um gene conhecido por seu papel no endurecimento das artérias também pode ser uma das mais importantes causas genéticas do câncer de próstata hereditário. Pesquisadores norte-americanos encontraram mutações no gene, chamado MSR1, em 4,4% dos homens brancos com câncer de próstata, em comparação a 0,8% daqueles sem a doença. Entre os pacientes negros, 12,5% também apresentavam mutações no gene, comparados a 1,82% dos negros sem a enfermidade. Os homens tinham diferentes mutações do gene, sendo que algumas foram associadas a uma forma agressiva do câncer, de acordo com a pesquisa publicada na edição de ontem da revista “Nature Medicine”. “Uma das mutações leva ao câncer de próstata com metástase rápida”, disse Jianfeng Xu, da Universidade Wake Forest, na Carolina do Norte, em um comunicado. Em conjunto com uma equipe da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore, Xu e colegas analisaram o DNA de 159 homens com câncer de próstata e seus familiares. Os cientistas também compararam os pacientes com mais de 300 homens sem a doença. Diferentes famílias tiveram diferentes mutações do gene, de acordo com a equipe. Da mesma forma que existem diversas mutações genéticas associadas ao risco hereditário de câncer de mama, devem existir muitos genes envolvidos no câncer de próstata, afirmaram os pesquisadores.

Mais matérias
desta edição