app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Internacional

Mundo

PENA DE MORTE PARA ASSASSINO San Diego (EUA) - Um júri recomendou ontem pena de morte, ao invés de prisão perpétua sem direito a fiança, para  David Westerfield, que seqüestrou e assassinou Danielle van  Dam, de 7 anos. O veredicto do júri, formado por s

Por | Edição do dia 17/09/2002 - Matéria atualizada em 17/09/2002 às 00h00

PENA DE MORTE PARA ASSASSINO San Diego (EUA) - Um júri recomendou ontem pena de morte, ao invés de prisão perpétua sem direito a fiança, para  David Westerfield, que seqüestrou e assassinou Danielle van  Dam, de 7 anos. O veredicto do júri, formado por seis homens  e seis mulheres, veio no quito dia de deliberações penais do julgamento de Westerfield, que foi considerado culpado em 21 de agosto pelo seqüestro e assassinato da menina de San Diego. A condenação envolveu também acusação de posse de material de pornografia infantil. Westerfield, de 50 anos, engenheiro, era vizinho de Danielle. CHUVAS Cidade do México - Pelo menos três pessoas morreram, uma está desaparecida e  centenas desabrigadas por  causa das fortes chuvas que  atingiram o estado mexicano  de Nuevo León nas últimas  horas, informaram, ontem,  autoridades locais. O subsecretário de Segurança Pública Estatal, Raúl Maldonado, disse que em vários municípios do estado foram registradas severas inundações de até um metro e meio de altura. Os serviços como água e eletricidade foram interrompidos. PRISÃO Berlim- A polícia de Berlim (Alemanha) prendeu ontem o homem que assaltou 13  lojas da capital alemã, armado  com uma seringa que dizia  conter sangue contaminado  com o vírus da Aids. O assaltante, cujo nome não foi divulgado, é romeno e tem 26 anos. Ele já tinha ficha na polícia por consumo de drogas pesadas e roubo, e foi preso após assaltar um salão de beleza e uma loja de colchões. Ninguém ficou ferido durante as ações do criminoso, que aconteceram nos últimos 12 dias, informou um porta-voz da polícia. QUEDA DE ÔNIBUS MATA 50 Buenos Aires- Pelo menos 50 pessoas, incluindo várias crianças, morreram na queda de um ônibus de passageiros em um precipício na noite passada na Argentina, disseram ontem autoridades. A maioria dos 70 passageiros do ônibus eram peregrinos religiosos, informou a polícia. O acidente aconteceu por volta das 22h (23h em Brasília), perto de La Merced, na Província andina de Catamarca, cerca de 1.100 km a noroeste de Buenos Aires. O ônibus caiu cerca de 30 metros.

Mais matérias
desta edição