app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Internacional

Justi�a convoca Cristina Kirchner

São Paulo, SP – Pouco menos de três meses depois de deixar a Presidência da Argentina, Cristina Kirchner foi convocada pela Justiça a prestar esclarecimentos em um caso que investiga operações financeiras que, segundo estimativas, deverão provocar um prej

Por | Edição do dia 27/02/2016 - Matéria atualizada em 27/02/2016 às 00h00

São Paulo, SP – Pouco menos de três meses depois de deixar a Presidência da Argentina, Cristina Kirchner foi convocada pela Justiça a prestar esclarecimentos em um caso que investiga operações financeiras que, segundo estimativas, deverão provocar um prejuízo de cerca de 29 bilhões de pesos (aproximadamente R$ 7,3 bilhões) aos cofres públicos. Esta é a primeira vez que Cristina é convocada pela Justiça desde que deixou a Casa Rosada, o que enfureceu kirchneristas. Além dela, o então ministro da Economia, Axel Kicillof, e o ex-presidente do Banco Central Alejandro Vanoli também foram convocados para explicações. Vanoli já foi indiciado. A participação de Cristina e Kicillof no caso ainda está sob investigação. A Justiça apura se houve má gestão de recursos pelo Banco Central, que turbinou as operações de venda de dólares no mercado futuro no fim do mandato de Cristina, entre setembro e novembro do ano passado. Nessas operações, o BC vendeu US$ 17 bilhões em contratos, segundo a Justiça, que preveem pagamento neste ano, quando Cristina já não seria mais presidente. A denúncia foi feita pelo partido do atual presidente, Mauricio Macri, ainda durante a campanha eleitoral de 2015, e foi encabeçada pelo atual ministro da Fazenda, Alfonso Prat-Gay.

Mais matérias
desta edição