app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Internacional

Mundo

MULÁ OMAR FAZ AMEAÇAS CONTRA EUA Islamabad - O chefe supremo do governo deposto Talibã, o mulá Mohammad Omar, continua vivo e ameaçando os Estados  Unidos com uma “guerra santa”, informou o jornal paquistanês  “The Frontier Post”, que publicou, ontem, um

Por | Edição do dia 09/04/2002 - Matéria atualizada em 09/04/2002 às 00h00

MULÁ OMAR FAZ AMEAÇAS CONTRA EUA Islamabad - O chefe supremo do governo deposto Talibã, o mulá Mohammad Omar, continua vivo e ameaçando os Estados  Unidos com uma “guerra santa”, informou o jornal paquistanês  “The Frontier Post”, que publicou, ontem, uma mensagem atribuída ao mulá Omar. “Os Estados Unidos acreditam que venceram sua guerra contra os muçulmanos, mas nós, os muçulmanos, sabemos que a guerra continua”, declarou o mulá Omar, segundo o “Frontier Post”, em um comunicado divulgado na internet. O paradeiro do mulá Omar é desconhecido. ATENTADO Bogotá - O atentado com um carro-bomba realizado, no  último domingo, em Villavicencio, na Colômbia, foi dirigido à  emissora de rádio Super, por ter  transmitido propaganda do candidato a presidente Alvaro Uribe,  afirma seu companheiro de chapa e candidato à vice-presidência, Francisco Santos. O  ataque matou 12 pessoas e feriu 67. “O atentado já é a formalização das Farc contra Alvaro Uribe e contra todos os seus seguidores”, afirmou. Uribe é o favorito nas pesquisas de intenção de voto para a presidência nas eleições que acontecerão em 26 de maio. KOSOVO Pristina - Diversas pessoas, entre elas 16 policiais das forças de paz da ONU, ficaram feridas nos distúrbios ocorridos, ontem, na cidade de Kosovska Mitrovica, no Kosovo, durante uma manifestação em protesto pela detenção de um sérvio. O porta-voz da UNMIK (Missão da ONU no Kosovo), Andrea Angeli, afirmou que um protesto reuniu milhares de sérvios perto da ponte sobre o Rio Ibar, que divide a cidade entre os setores Norte, de maioria sérvia, e Sul, povoado por maioria de etnia albanesa. MILOSEVIC: JULGAMENTO É REINICIADO Haia - O julgamento do ex-presidente iugoslavo Slobodan Milosevic, suspenso há três semanas, foi reiniciado, ontem, no Tribunal Penal Internacional, em Haia, na Holanda, com a audiência a portas fechadas. Enquanto o presidente do tribunal, o juiz britânico Richard May,  exigia de Milosevic que acelerasse suas declarações para não perder tempo, o ex-presidente se queixou de ser interrompido frequentemente quando está com a palavra.

Mais matérias
desta edição