app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5716
Internacional

Ex�rcito da Col�mbia prende mais dois integrantes das Farc

Bogotá - As autoridades colombianas confirmaram a prisão de dois membros das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) por suposta responsabilidade no atentado realizado há cinco dias contra o candidato presidencial Álvaro Uribe. Os presos são uma

Por | Edição do dia 20/04/2002 - Matéria atualizada em 20/04/2002 às 00h00

Bogotá - As autoridades colombianas confirmaram a prisão de dois membros das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) por suposta responsabilidade no atentado realizado há cinco dias contra o candidato presidencial Álvaro Uribe. Os presos são uma mulher, María Rosario Baldovino Galván, e um homem, Alvaro de Jesús Villamizar, que podem fazer parte do comando responsável pelo atentado cometido na cidade de Barranquilla, que deixou três mortos e 22 dois feridos. As prisões foram confirmadas pouco depois de o comandante da brigada do Exército em Barranquilla, general Gabriel Díaz Ortiz, ter atribuído a responsabilidade do atentado às Farc, o principal grupo rebelde do país. Os traços da mulher e do homem coincidem com os dos retratos falados que foram feitos pouco depois da ação, disseram o procurador-geral, Luis Camilo Osorio, e o diretor regional do DAS (polícia secreta colombiana) em Barranquilla, Oscar Vega. María Rosario tambén é conhecida como “La Mona” e já havia sido detida em abril de 2000, acusada de rebelião. Ela foi colocada em liberdade quatro meses depois. A guerrilheira teria ingressado nas Farc em 1996 ou 1997, quando tinha 15 anos, e atua como uma “integrante flutuante”, ou seja, que realiza missões em toda a costa norte, explicou o diretor regional do DAS.

Mais matérias
desta edição