app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Internacional

Mundo

TORNADO MATA DOIS NOS EUA Happy – Duas pessoas morreram e pelo menos 30 ficaram feridas quando um tornado passou pelo oeste do Estado de Texas, ontem. A porta-voz da Prefeitura de Happy, Patricia Simms, afirmou  que o tornado destruiu pelo menos 20 casas

Por | Edição do dia 07/05/2002 - Matéria atualizada em 07/05/2002 às 00h00

TORNADO MATA DOIS NOS EUA Happy – Duas pessoas morreram e pelo menos 30 ficaram feridas quando um tornado passou pelo oeste do Estado de Texas, ontem. A porta-voz da Prefeitura de Happy, Patricia Simms, afirmou  que o tornado destruiu pelo menos 20 casas e deixou a população sem energia elétrica e telefone. Até o momento, as autoridades locais puderam confirmar a morte de duas pessoas, embora talvez “haja mais algumas enterradas sob os escombros”, disse. De acordo com Simms, o resgate das vítimas continua nas áreas afetadas. ASSASSINATO Amsterdã - O líder de extrema direita holandês Pim Fortuyn  morreu, ontem, após ser atingido  por vários tiros na cidade de Hilversum, na Holanda. Após a rede  de TV NOS anunciar a morte de Fortuyn, o primeiro-ministro holandês, Wim Kok, confirmou a informação. “Pim Fortuyn já não está conosco, é um momento profundamente trágico”. Candidato às próximas eleições legislativas, Fortuyn foi atingido na cabeça, no peito e no pescoço por vários disparos de bala depois de participar de um programa de rádio em Hilversum. CHOQUE DE TRENS Havana – Um mulher de 85 anos morreu e outras 48 pessoas ficaram feridas quando dois  trens chocaram-se, ontem, em  Cuba. Um dos trens saiu de San  Antonio dos Banhos, a cerca de 37 quilômetros de Havana, com destino à capital. O outro trem, no qual viajava um grupo de estudantes, saiu de Havana e se dirigia para Durán, no litoral sul da ilha. Segundo o porta-voz da empresa Ferrovias de Cuba, Néstor Quintana, o choque ocorreu no quilômetro 5 da ferrovia. As autoridades investigam as causas do acidente. PAPA CONDENA MASSACRES NA COLÔMBIA Vaticano – O papa João Paulo II condenou o atentado cometido por guerrilheiros em Bojayá, na Colômbia, que matou na quinta-feira 110 civis, entre eles, 45 menores. Em um telegrama enviado ao bispo  de Quibdó, o papa expressou seu profundo pesar pela triste notícia do execrável atentado perpetrado pela guerrilha com bombas incendiárias, causando um grande número de mortos e feridos entre a população civil refugiada na igreja de Bellavista, em Bojayá.

Mais matérias
desta edição