app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Internacional

Avi�o chin�s cai no mar com 112 pessoas a bordo

Pequim – Um avião da companhia aérea chinesa Northern Airlines com 112 pessoas a bordo caiu no Mar Amarelo ontem, perto de Dalian, cidade costeira da Província de Liaoning (nor-deste da China), informou a  agência de notícias estatal “Nova China”. Até o

Por | Edição do dia 08/05/2002 - Matéria atualizada em 08/05/2002 às 00h00

Pequim – Um avião da companhia aérea chinesa Northern Airlines com 112 pessoas a bordo caiu no Mar Amarelo ontem, perto de Dalian, cidade costeira da Província de Liaoning (nor-deste da China), informou a  agência de notícias estatal “Nova China”. Até o fechamento desta edição, às 23 horas, 60 corpos tinham sido resgatados. Estavam a bordo da aeronave – um MD-82, com capacidade para 152 pessoas e ideal para vôos de curta distância – 103 passageiros e nove tripulantes. O MD-82 voava entre Pequim e Dalian e caiu pouco depois das 21h30 (10h30 em Brasília). O avião teria caído depois de o piloto ter comunicado à torre de controle que havia fogo na cabine. A região de Liaoning, que fica próximo a Pequim (capital da China), faz fronteira com a Coréia do Norte e com a Mongólia. As causas do acidente e a existência de sobreviventes não foram divulgados pela agência estatal. Tunísia Na Tunísia, um Boeing 737-500 da Egyptair se chocou enquanto tentava fazer um pouso de emergência às 15h (11h, em Brasília) no aeroporto de Carthage, em Nahli, a seis quilômetros de Túnis, na Tunísia, com 55 passageiros e cinco tripulantes. O incidente deixou pelo menos 20 mortos. Outros 33 sobreviventes feridos foram levados para hospitais. A torre de controle perdeu contato com o avião alguns segundos antes do acidente, pouco depois de uma chamada de emergência do piloto, segundo a agência de notícias local “TAP”. O tempo estava nublado e chuvoso na hora do incidente, com ventos de mais de 100 Km/h, o que obrigou o aeroporto a atrasar o embarque de vários aviões. Ainda não há informações de onde o avião partiu. Mas há um vôo regular Cairo-Túnis que deveria chegar ao aeroporto de Carthage naquele horário. Sibéria Na Sibéria, um helicóptero militar MI-8, com 11 pessoas a bordo, caiu em Altai, na Sibéria, informou o Ministério para Situações de Emergência da Rússia. Não há informações de sobreviventes entre os três tripulantes e oito passageiros, possibilidade quase descartada pelos serviços de resgate. O Ministério de Defesa informou que às 8h30 (1h30 de Brasília) perdeu a comunicação com o helicóptero e, horas depois, pedaços da aeronave foram encontrados numa região montanhosa de Altai. Nos últimos anos, foram registrados dezenas de acidentes na Rússia com o MI-8, modelo fabricado há mais de 40 anos e que constitui a maior parte da frota russa de helicópteros de transporte. Em 28 de abril, o governador da região siberiana de Krasnoyarsk, general Alexandr Lebed, morreu quando o helicóptero MI-8 no qual viajava bateu num fio de alta tensão e caiu. Nesse acidente morreram oito das 19 pessoas a bordo da nave.

Mais matérias
desta edição