app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Internacional

Bachelet apressa forma��o de gabinete

| Carolina Villa-Nova Folhapress Santiago - A presidente eleita do Chile, Michelle Bachelet, deu início ontem ao processo de transição entre o atual governo, de Ricardo Lagos, e sua administração, que assume em 11 de março. Depois de tomar um café da ma

Por | Edição do dia 17/01/2006 - Matéria atualizada em 17/01/2006 às 00h00

| Carolina Villa-Nova Folhapress Santiago - A presidente eleita do Chile, Michelle Bachelet, deu início ontem ao processo de transição entre o atual governo, de Ricardo Lagos, e sua administração, que assume em 11 de março. Depois de tomar um café da manhã, em sua casa, com Lagos, Bachelet - que se declara agnóstica - recebeu representantes católicos (89% da população) e protestantes (11%). À tarde, reuniu-se com líderes dos principais partidos políticos para negociar a formação de seu gabinete. Em seu discurso da vitória, na noite do domingo, Bachelet afirmou ter “uma agenda ambiciosa, porque quatro anos é muito pouco”. Bachelet tem pressa por pelo menos dois motivos. Precisa dar sua marca própria ao que vai ser seu governo - provavelmente com políticas públicas de inclusão e proteção social - e precisa desfazer a imagem construída pelos seus adversários sobre sua pouca capacidade para governar. Ela deve anunciar em breve seu gabinete, a começar pelo ministro do Interior, tentando cumprir dois objetivos definidos por ela própria: que metade seja de mulheres e que “ninguém repita o mesmo prato”, ou seja, um gabinete renovado. Disse ainda que busca uma combinação entre “rostos novos e experiência”. A primeira viagem oficial de Bachelet como presidente eleita do Chile será à Argentina. Bachelet recebeu várias felicitações após sua vitória e teria confirmado a viagem ao presidente argentino, Néstor Kirchner.

Mais matérias
desta edição