app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Internacional

Diretor da Nasa � investigado pelo FBI

| AGÊNCIA O GLOBO Washington A polícia federal dos Estados Unidos está investigando várias denúncias feitas contra o inspetor geral da Nasa (a agência espacial dos EUA), Robert Cobb, entre as quais acusações de que teria deixado de investigar falhas na

Por | Edição do dia 05/02/2006 - Matéria atualizada em 05/02/2006 às 00h00

| AGÊNCIA O GLOBO Washington A polícia federal dos Estados Unidos está investigando várias denúncias feitas contra o inspetor geral da Nasa (a agência espacial dos EUA), Robert Cobb, entre as quais acusações de que teria deixado de investigar falhas na segurança e de ter retaliado colegas que o denunciaram. De acordo com o jornal The Washington Post, a maior parte das queixas foi feita por funcionários ou ex-funcionários da inspetoria. Denúncias por escrito e documentos vindos de pelo menos 16 pessoas afirmam que Cobb cancelou as inquéritos sobre irregularidades cometidas na Nasa e abusou de seus poderes ao punir investigadores que discordaram dele. Em documentos obtidos pelo Post e em entrevistas, funcionários e ex-funcionários da Nasa sustentaram que as ações de Cobb haviam contribuído para a falta de atenção com os problemas de segurança da agência espacial. Dennis Coldren, diretor aposentado da Nasa para a área de auditorias sobre estação espacial e ônibus espacial, é uma das pessoas que descreveram Cobb como uma pessoa “intimidante”. Coldren também afirmou que, poucas semanas antes do desastre do ônibus espacial Columbia, em 2003, o inspetor abreviou os esforços para avaliar o cancelamento de programas de melhoramento de uma coluna de sustentação do ônibus espacial, de áreas de lançamento e de outros equipamentos de infra-estrutura. O Columbia desintegrou-se ao reentrar na atmosfera. Foi o segundo acidente fatal em 113 missões. Sete astronautas morreram no desastre. Depois do ocorrido, a frota de ônibus espaciais da Nasa ficou sem realizar missões, mas em junho de 2005 a agência anunciou a retomada do lançamento de novos veículos. O plano original era retomar as missões em março de 2005, mas tudo foi adiado depois que vários furacões atingiram o leste da Flórida (onde fica o Centro Espacial Kennedy) em agosto de 2004. Mas, mesmo antes, os engenheiros da Nasa já haviam avisado que o trabalho de remodelamento dos ônibus espaciais e dos foguetes utilizados para lançá-los estava atrasado.

Mais matérias
desta edição