app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Internacional

Saddam Hussein e outros tr�s r�us iniciam greve de fome

| Folhapress Com agências internacionais O ex-ditador iraquiano Saddam Hussein e três ex-funcionários de seu regime afirmaram ontem que iniciaram uma greve de fome em protesto contra o juiz responsável pelo seu julgamento no Iraque. “Por três dias esta

Por | Edição do dia 15/02/2006 - Matéria atualizada em 15/02/2006 às 00h00

| Folhapress Com agências internacionais O ex-ditador iraquiano Saddam Hussein e três ex-funcionários de seu regime afirmaram ontem que iniciaram uma greve de fome em protesto contra o juiz responsável pelo seu julgamento no Iraque. “Por três dias estamos em greve de fome, protestando contra sua maneira de nos tratar, contra você e seus chefes”, disse ao juiz Raouf Abdel-Rahman numa audiência. O centro de detenção dos EUA em que os réus estão presos e o tribunal não confirmaram nem negaram a greve de fome. O julgamento, pelo massacre de árabes xiitas em Dujail em 1982, foi interrompido hoje e será retomado em 28 de fevereiro. Ontem, autoridades da Província de Basra (sul) suspenderam suas relações com as forças do Reino Unido depois da divulgação de um vídeo com supostos militares britânicos agredindo civis iraquianos, em Amarah. Segundo o chefe da polícia local, o boicote inclui toda a cooperação de segurança e as patrulhas conjuntas realizadas com soldados britânicos na Província. O Reino Unido afirmou que outros dois soldados foram detidos em relação ao vídeo. Uma pessoa foi detida no dia anterior. Ao menos 15 pessoas morreram ontem em ataques no Iraque, incluindo 11 membros de uma mesma família, segundo a polícia. Entre os mortos estavam um menino de cinco anos de idade, o xeque Hussein Sarhan al Hiyali, um líder tribal árabe-xiita de Balad, cidade ao norte de Bagdá.

Mais matérias
desta edição