app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
James Silver

Confira os destaques do colunista nesta edição, 13/01/2021

jamessilver@gazetaweb.com

Por James Silver | Edição do dia 13/01/2021 - Matéria atualizada em 12/01/2021 às 21h27

Em cerimônia íntima, KAROL PONTES+EZEQUIEL CARVALHO disseram o famoso ‘yes i do’
Ontem todos os vivas foram para a lady LENINHA LYRA - na foto com a BFF, MAMÁ OMENA

PRATA DA CASA

Nascido e criado em Maceió, Márcio Canuto (foto) foi um dos artistas que abraçaram uma causa que transborda esperança: a produção do livro Amor Raro, um projeto que conta histórias de famílias que convivem com a Distrofia Muscular de Duchenne (DMD) e contornam barreiras diárias para oferecer às crianças mais qualidade de vida.  Para que o livro surgisse, Canuto - e outras celebs do calibre de Carlinhos Brown, Daiane dos Santos, Fernanda Takai, Mario Sergio Cortella e Mauricio de Sousa - conheceu famílias e presenciou de perto os valores e vínculos fortes que as unem. Os encontros, registrados com a sensibilidade das fotos de Lailson Santos, a criatividade das ilustrações de Mauricio de Sousa e a intensidade dos textos, deram vida ao projeto da Sarepta Farmacêutica, que terá toda a renda revertida para ADB, associação de pacientes que lidera iniciativas nacionais em prol de inclusão, representatividade e melhores condições de acesso a cuidados para estes pacientes.


Foto: ARQUIVO PESSOAL
 

NARCISO

Pasmem! Segundo a SBCP, houve um aumento de 141% no número de cirurgias plásticas entre jovens de 13 a 18 anos nos últimos dez anos - a maioria, por questões estéticas influenciada por bullying. 

Entre os procedimentos mais procurados: Rinoplastia, otoplastia (que repara a orelha de abano), gigantomastia, o implante de silicone nos seios e a lipoaspiração - em função do crescente e preocupante aumento da obesidade nessa geração.


MEETING

O superintendente da CBTU, Carlos Jorge, recebeu o prefeito JHC. Na pauta, ações de melhorias na mobilidade urbana de Maceió, em especial o projeto de ampliação da malha ferroviária do VLT que levará o transporte de trens até próximo ao Maceió Shopping.


15

...municípios do interior, através de seus  artistas, poderão participar da segunda edição do Festival Riacho do Meio, de 01 a 05 de fevereiro - em Viçosa. 

Trata-se de uma das primeiras iniciativas decorrentes dos editais de apoio ao setor cultural, viabilizados pela Lei Aldir Blanc e realizados pela Secult.


Em cerimônia íntima, KAROL PONTES+EZEQUIEL CARVALHO disseram o famoso ‘yes i do’
Em cerimônia íntima, KAROL PONTES+EZEQUIEL CARVALHO disseram o famoso ‘yes i do’ - Foto: ARQUIVO PESSOAL
 


FAX... FAX


Na sexta, 15, tem avant première da Mostra de Design Sururu Criativo - no N3aU Cowork, no Parque Shopping...


90% dos brasileiros gostariam de fazer mais pela saúde física+mental em 2021, segundo estudo da Hibou...


Hoje tem bolo+guaraná para Oscar Garcia-Agreda - o bem querer de Viviane Calado...


Com o presidente da Federalagoas, Kennedy Calheiros, na fila A, a campanha Natal Premiado sorteia, hoje, dois carros... 


Brasileiros quebram recorde mundial de saltos de Bungee Jump realizados em um dia...


Embaixador da GoPro participou dos 170 saltos realizados no Ecoparque Cia Aventura, no Sul.


Ontem todos os vivas foram para a lady LENINHA LYRA - na foto com a BFF, MAMÁ OMENA
Ontem todos os vivas foram para a lady LENINHA LYRA - na foto com a BFF, MAMÁ OMENA - Foto: ARQUIVO PESSOAL
 


PING PONG


Quem?

TONY LIMA, gerente geral de Operação da MVV


A implantação do Projeto Serrote segue avançando no Agreste alagoano?

Sim, entre as cidades de Arapiraca e Craíbas - cerca de 90% das obras já estão concluídas, tendo previsão de operação já em meados de 2021 com o beneficiamento do concentrado de cobre.


Durante o processamento do minério, o uso da água é essencial...

Para separar os minerais de cobre. A água utilizada no Projeto vem do rio São Francisco. Em fevereiro de 2020, a empresa recebeu do Instituto do IMA/AL a Licença de Operação da adutora de conexão.

Em 2014, o Governo de Alagoas construiu uma adutora em uma parceria público-privada, com 57 km de extensão que capta água em Traipu e leva até Arapiraca.

O sistema original foi construído com uma capacidade muito maior do que é utilizada atualmente e atende os municípios agrestinos e, ainda, o Projeto Serrote.


Como economizar recurso tão precioso? Iremos consumir menos de 15% da capacidade total de água do sistema e da rede não tratada. São cerca de 180 m³/h para o Projeto – a capacidade total do sistema é de 1.500 m³/h.

Já a população recebe água tratada diretamente da rede de distribuição. Com isso, o Projeto não afetará a disponibilidade e o abastecimento para eles.


Como o transporte é feito?

Estamos utilizando mais de 7 mil metros de tubos de polietileno de alta densidade (PEAD) de 14” de diâmetro para o transporte da água bruta. É importante salientar que haverá reutilização desse bem não renovável. Todo o processo de beneficiamento do minério de cobre da MVV foi projetado pensando no desenvolvimento sustentável, utilizando apenas água bruta.

Há, ainda, diversas ações internas que minimizam o desperdício, como a que rendeu o 22º Prêmio de Excelência da Indústria Minero-Metalúrgica 2020.


Dê um exemplo...

Houve substituição de sacolas plásticas por tubetes reutilizáveis. Essa medida deu uma maior produtividade de mudas de plantas nativas da região (3,5x mais) usando a mesma quantidade de água.


Outro exemplo é... o projeto desenvolvido pelo supervisor de Segurança Patrimonial da MVV, Anderson Neves, compreendendo reutilizar a água condensada do ar-condicionado dos escritórios administrativos. Cada um tem reservatório que armazena cerca de 10 litros - reutilizados na limpeza de banheiros ou mesmo jardinagem. Um item econômico e sustentável.

É com esse olhar para ‘um futuro mais verde’ que a MVV segue pensando diferente e fazendo mais.

Mais matérias
desta edição