app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Mercado Alagoas

Confira os destaques da economia alagoana #MA17102020

.

Por Edivaldo Junior | Edição do dia 17/10/2020 - Matéria atualizada em 16/10/2020 às 21h23

Desemprego

De acordo com a PNAD, do IBGE, o número de brasileiros sem trabalho em busca de uma vaga aumentou em 700 mil entre a terceira e quarta semanas de setembro, totalizando 14 milhões de desempregados no país.


Corte

O aumento do desemprego no país coincide com o período em que teve início a redução do auxílio emergencial de R$ 600 para R$ 300 e foi puxada pelas regiões Norte e Nordeste, justamente onde há um maior número de beneficiários do auxílio. Os dados são da Pnad Covid e foram divulgados nessa sexta-feira (16).


Em alta

Houve um aumento de 12,3% no contingente de desempregados nas duas regiões - quase sete vezes o observado no Sul, Sudeste e Centro-Oeste. No conjunto, essas três regiões registraram um aumento de 1,8% na taxa de desemprego.


Ranking

Alagoas tem 16,4% de taxa de desocupação em agosto, a sexta maior entre as 27 unidades federativas do Brasil. A maior taxa (18,1%) é do Maranhão. A menor, de 8,2%, de Santa Catarina.


Varrela

A Varrela Agropecuária promete uma grande venda de animais e genética neste sábado,17, às 14h, durante o Leilão Virtual Varrela Reprodutores Provados. O remate preparou uma seleção exclusiva com o melhor da safra de touros, fêmeas prenhas, vacas comerciais e bezerros. O remate será transmitido pelo canal Terra Viva. “Preparamos uma seleção de Nelore com a qualidade Varrela, confiabilidade genética e funcionalidade a campo”, enfatizou o gerente Marcelo Cordeiro.


Preparativos

O Parque da Pecuária, em Maceió, se prepara para receber a maior exposição agropecuária de Alagoas e a única que será realizada no Nordeste, após o início da pandemia da Covid-19, a Expoagro 2020.


Desifecção

Nessa sexta-feira, dia 16, a equipe técnica da Adeal supervisionou o processo de desinfecção das instalações do parque, que abrigará no período de 24 de outubro até 1º de novembro centenas de animais, entre bovinos, equinos e ovinos. A medida de biosseguridade realizada com o propósito de prevenir e eliminar agentes patógenos, como fungos, bactérias e vírus, que possam existir nas instalações onde os animais ficarão alojados durante os nove dias de exposição.


Expoagrinho

O tradicional passeio das famílias pelo Parque da Pecuária durante a Expoagro/AL está mantido na edição deste ano, que acontece entre 24 de outubro e 1º de novembro. A Expoagrinho será uma das atrações para o público infantil e vai oferecer aos visitantes passeio de charrete, em pôneis e em bovinos. Segundo a Associação dos Criadores de Alagoas (ACA), também fica à disposição as visitas aos animais e estandes, além do consumo na praça de alimentação.


No Parque

Em 2020, são aguardados pouco mais de mil animais no Parque da Pecuária para a Expoagro 2020. A ACA conta com a inscrição de 400 ovinos, 350 bovinos e mais 200 equinos. Estão na vitrine da Expoagro as raças bovinas nelore, giroland e gir leiteiro. Entre os ovinos, participam o Santa Inês, dorper e white dorper. Os equinos serão representados pelos animais mangalarga marchado, campolina e quarto de milha.


Leilões

Com seis leilões confirmados e cerca de nove raças em exposição e à venda, este ano a Expoagro contará com os seguintes leilões: 19º Nelore Barros Correia, Nelore Santa Catarina, 17º Nelore Positivo, Leilão Nacional Santa Inês, Maceió Horse Show e o Mais Leite. O evento ainda vai receber o tradicional Shopping Raça, que oferece a venda presencial de equinos mangalarga marchador durante todos os dias da exposição. A expectativa é que o evento movimente cerca de R$ 16 milhões em negócios e concessão de crédito rural.


Produção

O trabalho de assistência técnica promovido pela Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) junto aos agricultores familiares do Estado - na busca de uma melhor qualidade do leite e do aumento da produtividade - foi um dos fatores que contribuíram para que Alagoas conquistasse, em 2019, a posição de quarto maior produtor de leite do Nordeste e o 13º do Brasil.

Mais matérias
desta edição