app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Mercado Alagoas

Confira os destaques da economia alagoana #MA13112021

.

Por Edivaldo Junior | Edição do dia 13/11/2021 - Matéria atualizada em 12/11/2021 às 22h57

Novo

Identificar e qualificar os agricultores familiares para o acesso às ações, programas e políticas públicas direcionadas ao desenvolvimento e fortalecimento da agricultura familiar. Esse é o objetivo do Cadastro Nacional da Agricultura Familiar (CAF), que substituirá, de forma gradativa, a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP). As condições e os procedimentos para inscrição no novo modelo de registro foram publicados na Portaria 242.


DAP

O produtor familiar que ainda tiver uma DAP válida não precisa substituir o documento imediatamente. As declarações emitidas até a data de disponibilização do serviço de inscrição no CAF permanecerão validas até o final de sua vigência. A partir daí, então, o agricultor fará a inscrição no CAF em caráter permanente, sendo a validade do seu registro renovada a cada dois anos.


Conselho

Foram empossados nessa sexta-feira, 12, os integrantes do Conselho Tributário Estadual (CTE) para cumprimento de mandato durante o biênio de 21/23. O evento aconteceu na Escola Fazendária, situada em Jacarecica.


Sefaz

O CTE, vinculado à Sefaz, é o órgão responsável pelo julgamento de processos administrativos fiscais, que analisam a procedência ou não dos créditos tributários lançados, em segunda instância, composto por servidores fazendários e representantes dos contribuintes através dos setores do comércio, indústria, serviços e agricultura.


Destinos

Com investimentos em divulgação do destino e ações para garantir a segurança sanitária dos visitantes, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo alcança mais uma conquista: 19 destinos agora emitem voos regulares e diretos para o Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares. Entre as novas rotas, estão destinos como Presidente Prudente, Uberaba, São José do Rio Preto, Curitiba, Campo Grande e Porto Alegre.


Passageiros

Em comparação ao ano passado, o fluxo de passageiros no Aeroporto de Alagoas aumentou 79,74%. A previsão da Sedetur é que esse número cresça ainda mais, já que os meses de novembro a fevereiro são considerados estratégicos devido à grande procura de viajantes pelo destino no período de férias.


Feriado

Com mais um feriado prolongado em novembro, dessa vez por conta da celebração da Proclamação da República, que acontece na próxima segunda-feira, 15, a ocupação hoteleira média no Estado será de aproximadamente 92%, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) de Alagoas.


Disputando

A agricultura familiar mostrou que está preparada para atender ao mercado de compras institucionais e até aumentar a seu espaço nas gôndolas dos supermercados após a realização da Quitanda Coop, da União das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes), durante o Rota da Merenda Legal, na quinta-feira, 11. Com mais de 10 mil produtores, o segmento conta somente com os espaços de compras públicas e a feira livre para escoar a produção.


Mercado

A categoria, que já marca presença no mercado varejista com a Cooperativa Pindorama e sua variedade de produtos alimentícios, pede passagem para seus produtos in natura e processados. São bebidas lácteas, manteiga, leite em pó, frutas, hortaliças, mandioca, granjeiros e arroz produzidos por pequenos agricultores de Alagoas que brigam por um espaço no mercado.


Espaço

O presidente da Unicafes, Antonino Cardozo, explica que o fator comercial continua sendo o principal gargalo para o agricultor familiar. A instituição representa 34 cooperativas que organizam a produção no campo. “A Unicafes vem brigando para manter de pé o mercado institucional funcionando, fazendo valer as políticas públicas e incentivando os órgãos a abrir espaço para a agricultura. Estamos com projetos para estimular essa discussão, apresentando às escolas os nossos produtos, e ainda pleiteando essa inserção comercial no setor privado. Para isso, estamos nos cercando de capacitações técnicas e empreendedoras para que o agricultor atue também com essa visão”, destacou o presidente da Unicafes Alagoas.

Mais matérias
desta edição