app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5712
Mercado Alagoas

Confira os destaques da economia alagoana #MA15052024

.

Por Edivaldo Junior | Edição do dia 15/05/2024 - Matéria atualizada em 15/05/2024 às 04h00

Holanda

O governador Paulo Dantas participa, a partir do World Hydrogen 2024 Summit Exhibition, em Roterdã, na Holanda, ao lado de governadores do Nordeste. O evento é o maior do mundo focado em soluções de hidrogênio, como energia limpa.

Aftosa

Encerra, hoje, dia 15 de maio, o prazo para os criadores alagoanos declararem a vacinação da aftosa realizada em abril passado. A declaração pode ser feita de forma presencial em escritórios da Adeal ou virtual por meio do sistema sidagro-produtor. O prazo não será prorrogado.

Redução

A Conab reduziu novamente a estimativa para a produção brasileira total de grãos na safra de 23/24, que deverá ser 7,4% menor do que o colhido no período anterior. O dado consta no 8º Levantamento da Safra de Grãos divulgado, ontem, pela estatal.

Expectativa

A expectativa agora é que o Brasil produza 295,4 milhões de toneladas de grãos em 23/2024, 24,3 milhões de toneladas a menos em relação às 319,8 milhões de toneladas alcançadas na safra anterior, que foi recorde. A nova projeção é também menor que os 317,5 milhões de toneladas estimados em um primeiro levantamento sobre a atual safra.

Inflação

O Copom do BC mostrou preocupação com as expectativas de inflação acima da meta e, em meio a um cenário macroeconômico mais desafiador do que o previsto anteriormente, não prevê novos cortes na taxa Selic. Semana passada, pela sétima vez consecutiva, a taxa foi reduzida. Contudo, a velocidade do corte diminuiu. De agosto do ano passado até março deste ano, o Copom tinha reduzido os juros básicos em 0,5 ponto percentual a cada reunião. Dessa vez, a redução foi de 0,25 ponto percentual, para 10,5% ao ano.

Serviços

O setor de serviços avançou 0,4% em março, depois de cair 0,9% no mês anterior. Com o resultado, a taxa ficou 12,1% acima do nível registrado no período da pré-pandemia, em fevereiro de 2020. E ficou 1,5% abaixo do ponto mais alto da série histórica, em dezembro de 2022. Os dados são do IBGE.

Acumulado

Na comparação do acumulado para o primeiro trimestre de 2024, com igual período de 2023, o setor apresentou crescimento de 1,2%. Já nos últimos 12 meses, a alta é de 1,4%.

Petrobras

A Petrobras obteve um lucro líquido de R$ 23,7 bilhões no 1º trimestre de 2024, uma queda de 23% em relação ao 4º período do ano passado. De acordo com a companhia, o resultado é consequência da desvalorização cambial do final de período e menor venda de óleo e derivados.

Mais matérias
desta edição