app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5750
Nacional

Concurso para procurador federal oferece 616 vagas

Brasília – O Diário Oficial da União publicou ontem o edital para concurso de procurador federal. Os interessados em concorrer a uma vaga terão entre os dias 21 deste mês e 1º de novembro para efetuar as inscrições. O concurso promovido pela Advocacia-Ger

Por | Edição do dia 12/10/2002 - Matéria atualizada em 12/10/2002 às 00h00

Brasília – O Diário Oficial da União publicou ontem o edital para concurso de procurador federal. Os interessados em concorrer a uma vaga terão entre os dias 21 deste mês e 1º de novembro para efetuar as inscrições. O concurso promovido pela Advocacia-Geral da União oferecerá 616 vagas - 31 delas destinadas a pessoas portadoras de deficiência física – em todos os Estados brasileiros e no Distrito Federal. Os candidatos podem realizar suas inscrições nas agências da Caixa Econômica Federal ou pela Internet, no endereço: www.cespe.unb.br/agupgf, com o pagamento da taxa de R$ 90,00. O cargo de procurador federal estabelece vencimento mensal de R$ 4.303,20, com carga de 40 horas semanais de trabalho. O concurso de procurador federal é organizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), da Universidade de Brasília (UnB), que receberá as inscrições, aplicará as provas de seleção e fará a classificação dos concorrentes. Podem participar aqueles com diploma de conclusão do curso de graduação em Direito devidamente registrado. Não será exigida a comprovação de prática forense, conforme determina o artigo 8° da Medida Provisória 71. Patrimônio A Receita Federal vai acompanhar a evolução do patrimônio das pessoas que ocupam cargos de confiança ou cargos eletivos na administração pública federal. A partir do ano que vem, os órgãos públicos entregarão ao Fisco uma listagem com os nomes dos funcionários que ocuparam esses cargos no ano anterior. A lista constará da Declaração de Exercício em Cargo, Emprego ou Função Pública Federal (Decef), instituída pela Instrução Normativa 216, divulgada hoje pela Receita Federal.

Mais matérias
desta edição