app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5756
Nacional

Roriz tem vit�ria apertada e quer entendimento com PT

Brasília – O governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz (PMDB), reeleito no segundo turno, disse que em seu quarto mandato vai fazer um governo de conciliação para tentar agradar a maioria, pois teve uma vitória apertada, e buscará entendimento com o p

Por | Edição do dia 29/10/2002 - Matéria atualizada em 29/10/2002 às 00h00

Brasília – O governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz (PMDB), reeleito no segundo turno, disse que em seu quarto mandato vai fazer um governo de conciliação para tentar agradar a maioria, pois teve uma vitória apertada, e buscará entendimento com o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva. Roriz foi reeleito com 50,62% dos votos válidos, o que equivale a apenas 15.778 votos a mais que Geraldo Magela (PT). O petista não reconheceu a derrota e afirmou domingo que vai pedir a impugnação da eleição. Magela teve 49,38% dos votos válidos. Do total apurado, 0,94% foram votos em branco e 2,26%, nulos. Já a abstenção ficou em 13,68%. O Distrito Federal tem 1.518.437 eleitores. A apuração foi novamente uma das mais atrasadas em todo o Brasil e só terminou às 3h50 de hoje. A disputa foi voto a voto, sendo que Roriz passou Magela após 90% das urnas apuradas. O governador diz que enviou carta a Lula cumprimentando pela vitória e desejando sucesso à administração. “Meu governo vai estar à disposição para ajudá-lo a governar com tranquilidade.’’ Roriz busca aproximação com Lula para impedir que deputados do PT tentem convencê-lo a apoiar investigações de denúncias de irregularidades em seu governo. A principal investigação, conduzida pelo Ministério Público, é referente ao conteúdo de conversas telefônicas gravadas pela Polícia Federal com autorização judicial que envolveriam Roriz em suposto esquema de grilagem de terras públicas devido à sua proximidade com o empresário e deputado distrital eleito Pedro Passos (PSD). As fitas não podem ser divulgadas por decisão judicial.

Mais matérias
desta edição