app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Nacional

FHC tira do ba� di�rio de oito anos no governo

São Paulo, SP – Durante seus oito anos na Presidência da República, Fernando Henrique Cardoso manteve uma rotina secreta, de que só os muito próximos sabiam: ele fazia gravações diárias, ou quase diárias, no fim do expediente, sobre o que tinha dito, ouvi

Por | Edição do dia 17/02/2013 - Matéria atualizada em 17/02/2013 às 00h00

São Paulo, SP – Durante seus oito anos na Presidência da República, Fernando Henrique Cardoso manteve uma rotina secreta, de que só os muito próximos sabiam: ele fazia gravações diárias, ou quase diárias, no fim do expediente, sobre o que tinha dito, ouvido, pensado e decidido naquelas 10 ou 12 horas. Dez anos depois de descer a rampa do Planalto, o segredo veio à tona. Numa recente entrevista ao médico Dráuzio Varella, ele falou da sua vasta coleção de fitas e avisou que ela está sendo degravada e organizada por uma colaboradora. “Deve dar umas dez mil páginas ou mais”, calcula FHC. São centenas de fitas – só uma fase inicial já tinha cerca de 200 – que podem resultar, quem sabe, no grande livro de memórias da Era FHC. “Ainda não decidi o que fazer com os registros”, avisou o ex-presidente numa conversa com o Grupo Estado. Enquanto ele se decide, um passo adiante já foi dado: sua “eterna” colaboradora, a socióloga Danielle Ardaillon – que o segue e organiza seus papéis desde os anos 70, quando os dois trabalhavam no Cebrap – está debruçada em cima desse “diário do poder”, coordenando sua transcrição e organização.

Mais matérias
desta edição