app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5756
Nacional

Projeto cria 6,8 mil cargos federais

Brasília, DF – A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou ontem projeto de lei complementar enviado pelo Executivo que prevê a criação de quase 7 mil cargos públicos federais para serem preenchidos por concursos, ao custo de quase meio b

Por | Edição do dia 19/04/2013 - Matéria atualizada em 19/04/2013 às 00h00

Brasília, DF – A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou ontem projeto de lei complementar enviado pelo Executivo que prevê a criação de quase 7 mil cargos públicos federais para serem preenchidos por concursos, ao custo de quase meio bilhão de reais por ano. A proposta, que já passou pela Câmara dos Deputados, vai à votação em plenário na semana que vem. Se aprovada, seguirá para sanção da presidente Dilma Rousseff. Pelo texto do senador Gim Argello (PTB-DF), relator do projeto na CCJ, o impacto financeiro com a criação dos novos postos, previstos para serem preenchidos gradualmente a partir de 2014, será de R$ 484 milhões anuais. O gasto pode ser ainda maior, uma vez que, além das novas vagas, a proposta prevê a substituição de funcionários terceirizados por servidores concursados em órgãos como o Ministério da Saúde. Essa substituição tem impacto estimado de R$ 110,6 milhões anuais. Pelo projeto, a maioria dos 6.818 cargos terá como destinação as carreiras na área de ciência e tecnologia, com 3.593 postos a serem preenchidos.

Mais matérias
desta edição