app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Nacional

Preconceito contra NE acirra disputa

São Paulo – As postagens com discurso de ódio contra nordestinos deixaram as redes sociais e viraram tema de embate entre as campanhas de Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e Aécio Neves, do PSDB. O jurídico do PT confirmou ontem que levará a co

Por | Edição do dia 10/10/2014 - Matéria atualizada em 10/10/2014 às 00h00

São Paulo – As postagens com discurso de ódio contra nordestinos deixaram as redes sociais e viraram tema de embate entre as campanhas de Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e Aécio Neves, do PSDB. O jurídico do PT confirmou ontem que levará a comunidade “Dignidade Médica” à Justiça e citou ainda que a questão vai além de uma briga partidária. Para o tucano, no entanto, sua candidatura tem sido alvo de todo tipo de ataques dos “adversários políticos” que querem desmoralizá-lo. Na última terça-feira, o iG revelou que o grupo de quase 100 mil usuários, que se declaram médicos, pregou o holocausto e a castração química aos nordestinos e eleitores do PT. O caso será tema da representação judicial que o coordenador jurídico do PT, Marco Aurélio Carvalho, entregará ao Ministério Público Federal (MPF). O documento contará com centenas de reproduções de conversas entre os usuários, que declaram “morte a presidente Dilma” e entregam um “diploma de jumento” para quem votar na petista. “Pedimos que sítio eletrônico não veicule mais esse tipo de informação e que seja apurada a conduta dos moderadores e eventuais responsáveis pela opinião expressada, mas deixando claro que queremos preservar as liberdades democráticas, crenças e opiniões políticas”, explica o advogado.

Mais matérias
desta edição