app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Nacional

Quebrado sigilo de Maluf

São Paulo – A Justiça determinou ontem a que-bra de sigilo bancário do  ex-prefeito Paulo Maluf  (PPB) e de outras 21 pessoas físicas e jurídicas, entre  eles o filho do prefeito Flávio Maluf e o ex-secretário  municipal de Obras  Reynaldo de Barros. A de

Por | Edição do dia 20/03/2002 - Matéria atualizada em 20/03/2002 às 00h00

São Paulo – A Justiça determinou ontem a que-bra de sigilo bancário do  ex-prefeito Paulo Maluf  (PPB) e de outras 21 pessoas físicas e jurídicas, entre  eles o filho do prefeito Flávio Maluf e o ex-secretário  municipal de Obras  Reynaldo de Barros. A decisão foi dada pelo juiz Luís Paulo Ribeiro, da 4ª Vara da Fazenda Pública, que atendeu parcialmente a um pedido feito pelo Ministério Público Esta-dual. O Ministério Público investiga um suposto es-quema de superfatura-mento e desvio de di-nheiro de obras públicas, como a construção da avenida Água Espraiada, durante a gestão de Paulo Maluf (1993-1996) e sua posterior remessa para paraísos fiscais. A assessoria de Maluf informou que ele não irá recorrer da decisão, pois nada teria a esconder. Segundo nota divulgada, Maluf diz que é a favor da quebra de sigilo bancário de todo político brasileiro, de vereadores a presidente da República.

Mais matérias
desta edição