app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Nacional

Pioram as condi��es dos pres�dios

Brasília - O déficit de vagas nos presídios brasileiros mais do que dobrou no primeiro ano do governo Luiz Inácio Lula da Silva, de 57 mil em 2002 para 116 mil em 2003. As condições carcerárias se deterioraram e a situação dos presídios é considerada ex

Por | Edição do dia 12/03/2004 - Matéria atualizada em 12/03/2004 às 00h00

Brasília - O déficit de vagas nos presídios brasileiros mais do que dobrou no primeiro ano do governo Luiz Inácio Lula da Silva, de 57 mil em 2002 para 116 mil em 2003. As condições carcerárias se deterioraram e a situação dos presídios é considerada explosiva. Os dados foram divulgados hoje pelo diretor do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), Clayton Alfredo Nunes, durante o lançamento do manual de direitos humanos para o servidor penitenciário, resultado de parceria entre os governos do Brasil e da Inglaterra. Traduzido para o português com o auxílio do Conselho Britânico, o documento é uma tentativa de humanizar o sistema penitenciário brasileiro, considerado um dos piores do mundo. Aplicado há mais de 20 anos no Reino Unido e difundido pelas Nações Unidas para outros países, o manual orienta o servidor penitenciário no trato diário com os detentos, com destaque para os direitos humanos, respeito ao estado de direito e combate a práticas rotineiras das prisões, como torturas, abuso de poder e corrupção.

Mais matérias
desta edição