app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Nacional

LITORAL PAULISTA: EM DUAS SEMANAS, 15 GOLFINHOS SÃO ENCONTRADOS MORTOS

Em duas semanas, 15 golfinhos da espécie Pontoporia blainvillei, conhecidas como toninhas, foram encontrados mortos no litoral paulista, entre as praias de Bertioga e São Vicente. A informação é do Instituto Gremar, responsável por um trecho do Projeto de

Por Agência Brasil | Edição do dia 26/10/2022 - Matéria atualizada em 26/10/2022 às 04h00

Em duas semanas, 15 golfinhos da espécie Pontoporia blainvillei, conhecidas como toninhas, foram encontrados mortos no litoral paulista, entre as praias de Bertioga e São Vicente. A informação é do Instituto Gremar, responsável por um trecho do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). 

Um motivo apresentado pela organização é que a primavera é uma estação marcada pelo nascimento de filhotes, o que pode acarretar um maior número de encalhes, já que esses animais serem mais vulneráveis.

Dos 15 animais encontrados mortos, entre 30 de setembro e 15 de outubro, sete eram filhotes ou juvenis, e oito adultos, entre os quais duas eram fêmeas e estavam prenhas. O instituto destaca que, nesses casos, durante o exame de necropsia também são colhidas amostras das carcaças para análises posteriores.

A captura acidental em redes de pesca é uma das principais ameaças aos golfinhos. Seis dos animais mortos apresentavam “interações evidentes com estes artefatos”. Um dos casos foi registrado na Praia do Iporanga, no Guarujá. O animal tinha um apetrecho de pesca preso ao rosto.

Outro problema recorrente é a poluição das águas e a sobrepesca, pois isso reduz a disponibilidade de alimento para a espécie. A intensa atividade portuária também é nociva, tendo em vista que produz ruídos no ambiente aquático que comprometem o sistema comunicativo deles. 

Mais matérias
desta edição